A iniciativa surgiu no âmbito de um projeto intermunicipal para a valorização dos Caminhos de Santiago, que envolveu as autarquias de Porto, Matosinhos, Maia, Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Esposende, Viana do Castelo, Caminha, Vila Nova de Cerveira e Valença

Esse projeto, que foi alvo de uma candidatura europeia, que teve aprovação, ganhou forma com a publicação de um livro, de uma mapa, e também com a criação de um site na internet e uma aplicação para dispositivos móveis, que foram ontem divulgadas.

Nestas novas ferramentas, que pretendem orientar, mas também conferir mais segurança à caminhada dos peregrinos, podem ser encontradas explicações sobre o Caminho da Costa, e também do Caminho Central, além de uma divulgação da vertente histórica e do património destes dez municípios que integraram o projeto.

Lucinda Delgado, vereadora com o pelouro do Turismo da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, considerou “ser muito importante a promoção destes guias, para que sirvam como uma orientação clara e com segurança para os muitos peregrinos que atravessam os territórios através da faixa costeira”.

“No nosso concelho, a até porque temos muita gente a visitar-nos durante o verão, iremos distribuir nos hotéis, alojamentos locais, albergues, além de nas igrejas e também nas Juntas de Freguesia, que funcionam um pouco como postos de turismo para os peregrinos”.

Sendo a Póvoa de Varzim uma das mais significativas instâncias balneares do norte do país, a vereadora considerou que faz todo o sentido “fazer a distribuição ainda durante o verão”, lembrando que neste período “passam diariamente muitos peregrinos pela cidade”

“Esperamos que estas ferramentas os ajudem, mas também sirvam de promoção dos Caminhos de Santiago para que os poveiros e quem nos vista de férias. Iremos, também, distribuir os guias pelas escolas do nosso concelho, como mais uma forma de divulgação”, disse a autarca,

Lucinda Delgada acredita que os outros municípios envolvidos também farão estas ações de promoção e divulgação, e acrescentou uma particularidade que autarquia local vai implementar.

“Iremos distribuir em todas as Juntas de Freguesia carimbos para que os peregrinos que por lá passarem possam também ter uma recordação dos locais e também mapas específicos do nosso concelho, com outros locais de interesse”, divulgou.

Além do formato físico dos livros, guias e mapas, todas as informações sobre o Caminho Português da Costa poderá ser acedido, via digital, no site www.caminhoportuguesdacosta.com e também, com o mesmo nome, numa aplicação para dispositivos móveis, que pode ser descarregada gratuitamente.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA