A julgar por uma entrevista recentemente dada à CNBC, o CEO da Apple, Tim Cook, não tem neste momento a melhor das opiniões sobre redes sociais, considerando que atualmente são usadas para desinformar e manipular os internautas.

Cook foi chamado a comentar a atual polémica em que as redes sociais estão envolvidas, polémica esta que diz respeito à exibição de anúncios publicitários russos durante as eleições presidenciais dos EUA.

“Não acredito que a grande questão esteja nos anúncios ou em governos estrangeiros. Acredito que isso é cerca de 1% do problema. A grande questão é que algumas destas ferramentas [como redes sociais] são usadas para dividir e manipular as pessoas, para levar notícias falsas a grandes números para influenciar a forma de pensar”, apontou Cook. Pode ver o segmento na publicação de Twitter abaixo.

O CEO da Apple aproveitou ainda para voltar a afirmar que a Apple não coloca em risco a privacidade dos seus clientes, indicando que a tecnológica tem “uma perspetiva pró-privacidade”. “A Apple não sabe qual é o conteúdo das tuas mensagens. Encriptamos o FaceTime. Não sabemos o que estás a dizer”, garantiu.