SEF reforça controlo nos aeroportos no verão

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) vai reforçar as fronteiras aéreas com mais 69 inspetores, a partir de sexta-feira e até 30 de setembro devido ao previsível aumento do fluxo de passageiros nos aeroportos nacionais no verão.

185
© Global Imagens

Em comunicado, o SEF adianta que o aeroporto de Lisboa será reforçado com mais 36 inspetores, o de Faro com mais 13, o aeroporto Sá Carneiro no Porto terá mais 16, o de Ponta Delgada dois e o Funchal também dois.

Com este reforço passam a trabalhar no Aeroporto Humberto Delgado em Lisboa 212 inspetores afetos ao controlo de fronteira.

Nos primeiros quatro meses do ano, segundo dados do SEF, na fiscalização de todos os passaportes no aeroporto de Lisboa, 60% dos passageiros foram controlados num tempo inferior a cinco minutos.

A monitorização dos registos diários — realizada a cada 15 minutos – revela que em mais de 90% dos registos o tempo de espera médio é inferior a 30 minutos.

No total das medições efetuadas nos primeiros quatro meses do ano (mais de 8.500 registos), “apenas em 1,6% se registou um tempo de espera superior a uma hora no controlo de passaportes nas chegadas a Portugal e somente 0,09 por cento dos registos refletem tempos de espera superiores a duas horas”, indica o comunicado.

Quanto ao número de passageiros controlados, em igual período, 64% dos passageiros controlados nas chegadas no aeroporto de Lisboa são cidadãos da União Europeia.

No caso dos cidadãos europeus, o tempo médio de espera nas chegadas foi de dois minutos, sendo que o tempo de passagem nos controlos de fronteira eletrónicos (RAPID) foi também reduzido.

LUSA