Inicio Tags Fundação Serralves

Tag: Fundação Serralves

Aveiro anuncia protocolo com Serralves para formação cultural dos jovens

acordo, a ser assinado na quarta-feira, prevê, nomeadamente, “a realização de uma grande exposição anual, acompanhada de uma componente de serviço educativo, assim como a colaboração com as escolas em programas pedagógicos que visem a formação dos Jovens na área da cultura”.

A colaboração entre as duas entidades recebe um primeiro impulso com a exposição “Corpo, Abstração e Linguagem na Arte Portuguesa”, a inaugurar pelas 17:00 de quarta-feira, no Museu de Aveiro “Santa Joana”, antecedendo a assinatura do protocolo.

A exposição, que estará patente até ao dia 01 de dezembro, apresenta um conjunto de 24 obras proveniente da Coleção da Secretaria de Estado da Cultura (SEC), que se encontram em depósito no Museu de Arte Contemporânea de Serralves, no Porto, desde a criação da Fundação, e na Câmara Municipal de Aveiro.

O conjunto de obras expostas “demonstra a importância que a pintura e a escultura tiveram ao longo das décadas de 1960-80 na renovação das linguagens artísticas em Portugal”.

“As obras escolhidas atestam os diversos níveis de diálogo e confluência formais que os artistas portugueses souberam estabelecer entre si e com o contexto internacional a partir do pós-guerra”, refere um texto alusivo.

Para a Câmara, que vem trabalhando na candidatura de Aveiro a Capital Europeia da Cultura, trata-se de uma “exposição única e singular, que afirma também Aveiro estrategicamente na Arte Contemporânea em Portugal”.

LUSA

Serralves em Festa vem para juntar mundos ao longo de 40 horas “non-stop”

A 13.ª edição do Serralves em Festa tem como tema “Juntar Mundos e apresenta o trabalho de artistas oriundos de diversas culturas e latitudes, ao longo de mais de 40 horas entre os dias 4 e 5 junho. A programação é multidisciplinar e engloba música, dança, performance, circo contemporâneo, teatro, cinema, fotografia e ainda diversas oficinas e visitas orientadas.

Na conferência de apresentação do programa, a diretora da Fundação de Serralves Ana Pinho destacou que o Serralves em Festa é “o maior evento da cultura contemporânea em Portugal e um dos maiores da Europa”. A responsável enaltece igualmente a “transversalidade” da programação e a “democratização da cultura” que o evento promove.

A programação abarca propostas que ilustram a interação das artes visuais com as artes performativas, apresentadas numa relação estreita e integrada com as atividades desenvolvidas no Museu e no Parque de Serralves.

Dentro da vasta oferta cultural, destaque para o concerto dos Natural Information Society & Guests, que acontece às 18h de sábado, 4 junho. A formação fundada pelo músico norte-americano Joshua Abrams apresenta traz a Serralves um espetáculo com músicos portugueses convidados e transporta o público para “ambientes psicadélicos que aliam um vasto leque de sonoridades e metodologias contemporâneas, incluindo o jazz e o minimalismo”, descreve a organização.

Ainda na música, as atenções viram-se igualmente para a atuação da banda italiana de funk Calibre 35. Neste concerto, a formação milanesa revisitará trilhas sonoras de filmes que se juntam a elementos de vários estilos musicais, como o rock, o jazz ou a música improvisada. O espetáculo terá lugar no Prado, às 20h15 do dia 5 de junho.

A Festa no Prado, no sábado de madrugada, é um dos “pontos altos de todas as edições” do Serralves em Festa, enaltece a organização. Este ano destaca-se, às 3h, o projeto “Powerplant” de um dos nomes mais importantes da música eletrónica britânica dos últimos anos: Shackleton. Antes, à 1h30, atua o norte-americano RP Boo, um dos criadores do movimento footwork que surgiu em Chicago.

O circo e a dança contemporânea são outros dois focos de interesse a ter em conta, bem como o teatro que estará representado, por exemplo, com o projeto “E se tudo fosse amarelo?”, de Sílvia Real. A peça é dedicada ao público infantil e pretende levá-lo à experimentação e ao contacto com várias disciplinas, como a dança, o teatro, a música e até mesmo a filosofia.

À semelhança de edições anteriores, o evento abre-se à participação da comunidade local e nacional, para além da integração de artistas de todo o mundo. O Serralves em Festa vai decorrer nos vários espaços da fundação, mas também fora de portas, nos dias 2 e 3 de junho, em alguns locais da baixa portuense. Dentro dessas iniciativas exteriores, sobressai a apresentação do projeto musical “Wreck”, de Jon Rose: o artista transforma um automóvel de uma sucata num instrumento musical e trabalha com ritmos metálicos, zumbidos e outros sons arrancados dos destroços.

A organização destaca que o evento se tornou ao longo dos anos um “ponto de passagem obrigatório para milhares de visitantes portugueses e estrangeiros”. Na globalidade de todas as edições, já passaram por esta “Festa” cerca de um milhão e 100 mil pessoas. Na edição de 2016, entre os muitos visitantes, há uma presença já garantida: a do Presidente da República Marcelo Rebelo Sousa, que estará de visita no dia 5 de junho, pelas 11h.

Todos os eventos são de entrada gratuita e realizam-se entre as 8h do dia 4 de junho e a meia-noite do dia seguinte.

Dia Internacional dos Monumentos e Sítios

Em dezembro de 2012, o conjunto do património paisagístico e arquitetónico (Museu, Casa e Parque) da Fundação de Serralves foi classificado como Monumento Nacional pela “relevância e singularidade do seu património, tanto arquitetónico como de arte dos jardins.”

Assim, no 18 de abril, a Fundação de Serralves estará aberta ao público para celebrar este dia. Para além da programação específica para este dia, que pode ser consultada aqui: http://www.serralves.pt/pt/actividades/dia-internacional-dos-monumentos-e-sitios-2016/, o público também poderá visitar gratuitamente o Museu e o Parque.

EMPRESAS