Inicio Tags Torres Novas

Tag: Torres Novas

Ministra do mar visita Carnaval de Torres Novas 2018

A ministra do Mar irá juntar-se “à onda” do Carnaval “mais português de Portugal”, fazendo-se acompanhar por Eduardo Cabrita, ministro da Administração Interna, que marca presença em representação do Primeiro-ministro.

A comitiva, que conta ainda com Carlos Miguel, secretário de Estado das Autarquias Locais, irá assistir ao primeiro Corso Diurno desta edição do Carnaval torriense, onde além de cumprimentar os Reis do Carnaval irá ainda entregar os prémios aos grupos que vencerem o Concurso de Mascarados de hoje à noite.

Este será o primeiro momento em que os oito carros alegóricos vão sair às ruas da cidade de Torres Vedras, mostrando o trabalho dos artistas torrienses que lhes deram forma, usando da tradicional sátira em torno de “piratas” da política local e nacional, “surfistas” de desportos milionários e “tubarões” que são líderes internacionais.

O Carnaval de Torres Vedras é uma organização da Câmara Municipal de Torres Vedras e produção da Promotorres E.M. Alto Patrocínio: Ministério do Mar. Patrocínio: Sagres. Televisão Oficial: TVI. Apoio: Oeste Portugal. Informação sempre atualizada em www.carnavaldetorres.com

Ambientalista queixa-se de agressão em Torres Novas quando filmava poluição em ribeira

O dirigente do movimento SOS Tejo Arlindo Marques apresentou queixa na PSP, alegando que a sua viatura foi abalroada na segunda-feira, em Torres Novas, pelo filho do dono de uma fábrica da localidade, confirmou fonte da polícia.

O caso terá ocorrido quando o ambientalista filmava um caso de poluição numa ribeira.

A ocorrência terá envolvido três pessoas – o dono da viatura abalroada, o proprietário da fábrica e o filho deste, que conduzia o veículo que viria a embater no primeiro do ambientalista, segundo fonte da PSP de Santarém.

A situação ocorreu pouco depois de Arlindo Marques ter filmado um caso de poluição na ribeira da Boa Água, em Torres Novas, situada a poucos metros da fábrica.

Arlindo Marques, 50 anos, disse ainda à Lusa ter sido “agredido no peito pelo dono da fábrica e alvo de tentativa de linchamento pelo seu filho”, como “represália” pela sua atividade de denúncia de problemas ambientais no rio Tejo e seus afluentes.

EMPRESAS