Combustíveis simples permitiram aos consumidores pouparem 168 milhões de euros – ENMC

A introdução de combustíveis simples (não aditivados) em todos os postos de abastecimento já permitiu aos consumidores pouparem 168 milhões de euros desde abril, de acordo com a Entidade Nacional para o Mercado de Combustíveis (ENMC).

711

Segundo Filipe Meirinho, diretor da ENMC para a área petrolífera, houve um ganho de 168 milhões de euros em cerca de sete meses desde a entrada em vigor da lei que obriga à comercialização de combustíveis simples em todos os postos de abastecimento, acima das previsões do Governo que antecipava uma poupança anual de cerca de 200 milhões de euros.

O responsável do organismo que tem a responsabilidade de aplicar e fiscalizar a legislação avançou que hoje a diferença de preço por litro de combustível simples e aditivado é em média de três cêntimos, tendo também havido uma descida do preço dos combustíveis aditivados.