Rússia interrompe operações para a Turquia

A cooperação entre a Rússia e a Turquia no que ao sector do turismo diz respeito vai, “obviamente”, ser interrompida, revelou esta quinta-feira o responsável da Rostourism, agência de turismo da Rússia, à agência de notícias russa, Interfax News.

4063

Recorde-se que, em causa, está o acontecimento da passada terça-feira, em que a Turquia abateu um avião militar russo, tendo sido abatido um dos pilotos da aeronave. O Governo turco declarou ter o direito de se defender “contra quem quer que viole” as fronteiras do país, enquanto o presidente russo, Vladimir Putin, declarou por essa altura que iriam existir “consequências sérias” nas relações entre os dois países.

De acordo a TravelDailyNews, que cita dados do Euromonitor International, a Rússia é o segundo mercado mais importante para a Turquia, logo a seguir da Alemanha, tendo em 2014 representado um total de mais de 4,5 milhões de viagens efectuadas para este destino.

O mercado russo quase que duplicou o número de viagens para a Turquia entre 2009 e 2014, de 2,7 milhões para 4,5 milhões, respectivamente, representando ainda mais de 1.9 milhões de chegadas durante o mesmo período.