Investigadora portuguesa defende que contaminação por alimentos deve ser reportada

Uma investigadora portuguesa alertou hoje para a necessidade de reportar os casos de doenças transmitidas por alimentos contaminados para permitir avaliar o seu impacto, geralmente .

493

«Este é um problema mundial: não há reconhecimento suficiente do impacto na saúde pública de doenças transmitidas por alimentos e o impacto é sempre maior do que normalmente é reportado», disse à agência Lusa Sara Monteiro Pires.

Especialista em avaliação de risco em segurança alimentar e saúde pública na Dinamarca, onde trabalha há dez anos, foi uma de 100 especialistas convidados em 2006 pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para avaliar a «carga da doença» (‘burden of disease’) das infeções transmitidas pelos alimentos.