“O outsourcing revelou ser um instrumento importante de modernização e dinamização das empresas”

No sentido de melhorar o seu desempenho interno, são cada vez mais as empresas que procuram externalizar a gestão de determinados serviços. É neste sentido que surge a TeSera, concentrada e especializada na contratação na área da saúde pública. Fique a conhecer a dinâmica desta entidade, através de uma aprofundada entrevista realizada a Natacha Santos Franco, Head oj Legal Department da marca em Portugal.

833
Natacha Santos Franco

Enquanto consultora independente, a TeSera promove uma melhor gestão e organização nas empresas da área da saúde pública. Por se dedicar a este setor específico, é altamente qualificada, mostrando-se como um parceiro de excelência. Qual a caraterística que melhor define o serviço TeSera?
Aquilo que distingue a TeSera é, sem dúvida, o seu know-how na contratação pública, especializado no setor da saúde, o que lhe permite assessorar rapidamente as empresas com que trabalha, estabelecendo mais verdadeiras parcerias win to win.

Os vossos serviços oferecem um acompanhamento total no âmbito da gestão da contratação pública, sendo especializados em áreas como auditoria e a assessoria jurídica. O que podemos esperar destes diferentes setores de atuação?
Colocamos a nossa experiência na contratação pública à disposição do cliente, esforçando-nos por simplificar as tarefas do dia-a-dia, através de ferramentas como a avaliação dos processos internos da empresa, externalização total ou pontual da gestão dos concursos públicos ou até mesmo a certificação legal de um documento urgente à apresentação de uma proposta.

Apesar da gama alargada de serviços, a externalização de recursos humanos às empresas farmacêuticas e distribuidoras de dispositivos médicos é o que melhor vos carateriza. O que podemos esperar nesta vertente da vossa marca?
O outsourcing na contratação pública é, sem dúvida, um dos nossos serviços mais procurados, no qual os clientes beneficiam não só dos nossos recursos, mas também da assessoria jurídica especializada. Outro ponto a destacar é o facto de sermos uma empresa com uma estrutura muito flexível e dinâmica, a qual facilmente se ajusta às necessidades concretas do cliente.

Com base neste conjunto de serviços que a TeSera presta aos seus parceiros, de que forma as empresas com que trabalham saem valorizadas com o vosso apoio e gestão?
Numa só palavra: segurança. Ao trabalhar connosco, os nossos parceiros sentem-se apoiados em todos os passos atinentes à celebração de um contrato com o Estado, os quais não poucas vezes impactam nos resultados financeiros da empresa em milhões de euros.

A terceirização de departamentos e funções para outros organismos é um conceito cada vez mais procurado pelo tecido empresarial. Como vê a recetividade do mercado português a esta ferramenta?
O outsourcing revelou ser um instrumento importante de modernização e dinamização das empresas, deixando-as livres para se dedicarem ao seu negócio, confiando ao mesmo tempo na descentralização de certas atividades em especialistas como a TeSera. Em larga medida, o outsourcing tem constituído a chave do sucesso de muitas empresas, sendo que em Portugal cada vez mais são aquelas que aderem e recomendam o modelo.

Atualmente atuam junto de empresas sediadas em Portugal e Espanha. Num futuro próximo, poderemos ver a marca TeSera alargada a outros países? Que outros objetivos têm já definidos para 2016?
O ano de 2016 será o ano da consolidação da marca TeSera no mercado português, através de iniciativas várias como sejam os seminários, participação em grupos de trabalho de regulação do setor e ações de formação. Vários clientes já nos têm incitado a expandir-nos mais além do mercado Ibéria pelo que é, sem dúvida, um dos nossos projetos de futuro.