Computadores serão capazes de amar em 2029

Para o futurista Ray Kurzweil no futuro a sociedade estará separada entre quem consegue e não consegue melhorar as suas capacidades físicas intelectuais.

732

Muitas previsões se fazem sobre o futuro e o que aguarda a humanidade à medida que prosseguem os desenvolvimentos de robots e inteligências artificiais. Para o futurista Ray Kurzweil ainda demorará algum tempo até a humanidade ser ultrapassada, estando a ocasião prevista para o ano de 2029.

“Quando falo nos computadores a chegarem a níveis de inteligência humanos não estou a falar de inteligência lógica. É ser engraçado e expressar um sentimento de amor… isso é o pico da inteligência humana”, declarou Kurzweil de acordo com o CNNMoney.

O futurista abriu também espaço à possibilidade dos humanos se melhorarem a si próprios por via da tecnologia, indicando que esta via criará uma inevitável barreira social baseada entre quem tem riqueza para tal. Na visão de Kurzweil, o mercado de implantes biónicos “será como acontece com os smartphones” na medida que a tecnologia ficará cada vez mais barata até ao ponto de se tornar acessível a toda a gente.