Durante a última semana vários clientes da EDP receberam um e-mail com falsas notas de reembolso, a pedir os seus dados bancários, o que permite roubar dinheiro aos clientes.Quando questionados pelo Notícias ao Minuto, fontes oficiais da EDP afirmaram que ter tido conhecimento sobre este caso concreto de ‘pishing’ (envio de e-mails fraudulentos), no dia 15 de abril de 2016, “quando também foi detetado a clonagem do site edponline.edp.pt.”

Em explicação, esclareceram “que não se trata de um vírus, mas estes ataques têm sim outra configuração. São e-mails emitidos de diversas localizações, de outras geografias que não o território nacional.” Adiantaram ainda que não é possível detetar um ponto de origem para este ataque.

Quanto à solução para o problema, a própria empresa não sabe qual será: “Neste caso concreto, comunicámos estes ataques a toda a comunidade de segurança nacional, de modo a bloquearem estes e-mails nas respetivas organizações; às entidades policiais para investigação e, aos nossos clientes, relembrámos os cuidados que devem ter quando recebem comunicações da EDP.”

Caso algum cliente já tenha sido vítima deste ataque, a EDP não tem responsabilidade nestes casos: “Nem a EDP nem qualquer entidade que seja alvo de phishing”, mas, tal como afirma no e-mail que enviou aos clientes, “se detetar alguma situação que lhe pareça suspeita, por favor não hesite em contactar-nos para o 808 500 500.”