Depois de nos últimos meses várias sondagens darem vantagem a Hillary Clinton na corrida à Casa Branca, um novo inquérito revelado esta terça-feira mostra que a candidata democrata surge atrás de Donald Trump.

Segundo a sondagem CNN/ORC, o candidato republicano conta com 45% das intenções de voto, dois pontos à frente da antiga primeira-dama. Em terceiro lugar surge Gary Johnson, do Partido Libertário, e em quarto Jill Stein, do Partido Verde, com 7% e 2% das intenções de voto, respetivamente.

No início de agosto, um estudo realizado para os mesmos órgãos dava uma vantagem de oito pontos a Hillary Clinton. Novas revelações sobre o escândalo dos emails (nomeadamente a utilização de um servidor privado para efetuar comunicações oficiais quando era secretária de Estado, o que levou o FBI a abrir uma investigação sobre o caso) poderão ter prejudicado a candidata do Partido Democrata.

Esta sondagem foi realizada através de telefonemas aleatórios entre 1 e 4 de setembro, tendo com base uma amostra de 1001 adultos. A margem de erro é de aproximadamente 3,5%.