Marcelo, Sampaio e Guterres chegam juntos a pé à sede das Nações Unidas

O Presidente da República, o antigo chefe de Estado Jorge Sampaio e o candidato a secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU) António Guterres chegaram hoje juntos a pé à sede da ONU, em Nova Iorque.

635

Marcelo Rebelo de Sousa, Sampaio e Guterres – que há 20 anos se cruzaram no palco da política nacional, respetivamente, como líder do PSD, Presidente da República e primeiro-ministro – encontraram-se hoje à porta do hotel onde estão instalados, no coração de Manhattan, num dia de chuva, perto das 08:15 (13:15 em Lisboa).

O Presidente da República deu um abraço a António Guterres, depois de reafirmar aos jornalistas que “seria muito estranho” se aparecesse neste momento “qualquer outra candidatura de última hora” a secretário-geral da ONU que não se submeteu aos debates e votações já realizados.

“Estamos muito serenos, muito calmos, aguardando com uma boa expectativa a votação de dia 26”, acrescentou.

Marcelo Rebelo de Sousa abraçou também Jorge Sampaio, que integra a sua comitiva oficial nesta visita, e em seguida os três caminharam, à conversa, numa curta deslocação até ao edifício sede da ONU, para participar numa reunião de alto nível sobre migrantes e refugiados.

O Presidente da República seguiu no meio, de braço dado com Jorge Sampaio, com António Guterres à sua esquerda. Junto a eles, estava também o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva. Atrás, vinha a restante delegação portuguesa.

A comunicação social tentou abordar António Guterres, mas o ex-Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados não mostrou vontade de falar.

Os refugiados são um dos temas na agenda desta semana em que se reúnem em Nova Iorque chefes de Estado e de Governo dos 193 Estados-membros da ONU.

“Falarei em nome de Portugal para explicar o que Portugal tem feito nos vários domínios, quer no quadro europeu, mostrando uma disponibilidade superior àquilo que era a sua quota, quer fora do quadro europeu, no contributo para organizações internacionais”, declarou Marcelo Rebelo de Sousa, a propósito da reunião de alto nível de hoje.

Jorge Sampaio, que atualmente preside à Plataforma Global de Assistência Académica de Emergência a Estudantes Sírios, vai participar com Marcelo Rebelo de Sousa nesta reunião e também numa cimeira sobre refugiados organizada pelo presidente dos Estados Unidos da América, Barack Obama, na terça-feira.