Trump ameaça cortar fundos a universidade

Sempre que é desafiado Donald Trump ameaça cortar os fundos.

781

O novo presidente dos EUA ameaçou acabar com o financiamento à Universidade da Califórnia depois dos protestos em Berkeley, nesta quarta-feira passada.

Durante uma palestra do diretor do site ultraconservador, Breitbart News, dirigido por Steve Bannon e que muitos consideram o ideólogo por trás das políticas de Trump, um grupo de manifestantes começaram os protesto de forma pacífica, mas rapidamente a situação agravou-se. Partiram vidros, atiraram pedras e atearam fogo a um gerador no campus da universidade. As autoridades tiveram de recorrer a gás pimenta para encerrar o campus universitário, mas não houve registo de feridos ou detenções.

A reação de Trump não tardou e o presidente utilizou uma vez mais as redes sociais, o Twitter, para responder ao sucedido. “Se a U.C. Berkeley não permite liberdade de expressão e pratica violência em pessoas inocentes com um ponto de vista diferente – NÃO HÁ FUNDOS FEDERAIS?”

Devido aos incidentes, o evento em que iria intervir Milo Yiannopoulos, que apela a ideais da extrema-direita e que foi fortemente criticada pelos alunos, foi cancelado e o editor do site Breitbart teve de ser retirado do local com recurso aos seus seguranças pessoais e a agentes da polícia. A universidade foi encerrada.