Nova fase de candidaturas aos estágios profissionais

Esta segunda fase de candidaturas estende-se até 1 de junho. Conta com uma dotação orçamental de 45 milhões de euros e prevê apoiar cerca de 8.400 estágios.

815

As candidaturas à segunda fase dos Estágios Profissionais arrancam hoje, com uma dotação orçamental de 45 milhões de euros, prevendo apoiar cerca de 8.400 estágios, segundo o Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP).
Integrar estagiários no quadro dá prémio às empresas

O período de candidaturas da segunda fase decorre entre as 9:00 de hoje e as 18:00 do dia 01 de junho e a candidatura aos Estágios Profissionais é feita pela entidade, no portal do IEFP, segundo o aviso de abertura publicado na página da internet do organismo.

Segundo o aviso de abertura, a dotação orçamental afeta ao segundo período de candidaturas é de 45 milhões de euros, dos quais 16 milhões para a região Norte, 13,5 milhões para Lisboa e Vale do Tejo, 10,5 milhões para o Centro, 2,8 milhões para o Alentejo e 2,2 milhões para o Algarve.

Os estágios têm a duração de nove meses e dirigem-se a desempregados inscritos no IEFP, sobretudo jovens entre os 18 e os 30 anos de idade ou desempregados de longa duração (há mais de 12 meses no desemprego), entre outras situações.

Os estagiários têm direito a uma bolsa mensal, que varia em função do seu nível de qualificação. O IEFP apoia no pagamento da bolsa (suporta 65% ou mais destes valores, dependendo da tipologia do destinatário e do promotor) e a entidade empregadora cobre a parte restante dos custos.

Durante este período de candidaturas será possível formalizar o pedido de Prémio ao Emprego, apoiando a celebração de contratos de trabalho sem termo, com ex-estagiário, relativos à contratação de ex-estagiários das medidas Estágios Emprego, Estágios de Inserção e REATIVAR.