GLS inaugura novo hub internacional em Madrid que dará suporte a toda a estrutura ibérica

A GLS inaugurou recentemete um novo hub internacional em San Fernando de Henares, Madrid, e que será um forte apoio ao crescimento da operação em Portugal, ao mesmo tempo que quandruplica a atual capacidade da GLS Ibéria, passando assim a poder fazer 50.000 envios por hora. Esta operação representou para a empresa um investimento de cerca de 3.9 milhões de euros.

1031
© GLS

O hub da GLS em Madrid opera como ponto de distribuição nacional e como hub internacional para o mercado europeu do Grupo GLS, sendo Portugal um dos países que beneficia bastante com este incremento de capacidade. «Com a aposta nesta nova infraestrutura ibérica temos ainda melhores condições para continuar a crescer e para Portugal continuar a servir ainda melhor os seus clientes e oferecer um serviço de maior qualidade, algo que assume na nossa estratégia uma grande importância», explica o Diretor Geral da GLS em Portugal, Victor Gonzalez. Ao mesmo tempo, o investimento irá contribuir para otimizar o fluxo das encomendas na rede da GLS.

Maior, central e sustentável

A nova unidade conta com uma superficie de 11 200 metros quadrados e quatro digitalizadores com mais 130 classifcações automatizadas tornam possível uma operação mais rápida e eficiente. As câmaras de segurança registam cada envio e um total de 111 cais que facilitam a carga e descarga dos veículos de distribuição e dos camiões de transporte de longa distância.

Outra grande vantagem deste novo hub está diretamente ligado às preocupações ambientais do Grupo, já que a iluminação LED e o aquecimento feito por bombas de calor reduzem significativamente o consumo de energia e consequentemente o impacto ambiental. As estações de carga para veículos elétricos  abrem o caminho para a futura entrega de encomendas sem emissões. 

Sobre o Grupo GLS

GLS, General Logistics Systems B.V. (com sede em Amesterdão), realiza os seus serviços de forma confiável e com alta qualidade para mais de 270,000 clientes, complementados por uma logística de serviços express.
“Ser uma transportadora de logística líder de qualidade Europeia” é o objetivo principal da GLS, tendo a sustentabilidade como um dos seus principais valores. Através das suas  parcerias,  o grupo possui conexões em 41 países europeus, em oito estados americanos, no Canadá e  está globalmente conectada através de diversos acordos. Com cerca de 50 pontos centrais e mais de 1,000 armazéns e agências estão à disposição da GLS. Com a sua rede terrestre a GLS é uma das principais transportadores na Europa. A GLS conta com 18,000 funcionários e todos os dias possui cerca de 30,000 veículos em percurso. No ano 2017/18 a GLS obteve receitas financeiras de 2,9 biliões de euros e transportou 534 milhões de encomendas.