O projeto de requalificação dos quartos esteve a cargo do atelier Nini Andrade e Silva e vem no seguimento da necessidade de aproximar a decoração dos espaços à natureza envolvente.

Recorde-se que este hotel se localiza no Vale das Furnas, a cratera do vulcão com o mesmo nome e que é considerado um dos mais ativos da ilha de São Miguel. A sua atividade aquece o solo e as águas daquela zona, dando às águas propriedades termais e criando um micro-clima bastante particular que favorece a natureza exuberante que rodeia o hotel.

Tendo a natureza um papel tão preponderante naquele local, pretendia-se que o interior dos quartos do Furnas Boutique Hotel lhe fizesse justiça, mantendo o ambiente acolhedor e intimista que marca todos os espaços do hotel. Para isso escolheram-se vários tons de verde e castanho, bem como o cabedal, as madeiras e o ferro como materiais predominantes.

Outra preocupação tida durante a renovação dos quartos foi o conforto dos mesmos. As camas foram substituídas por camas king size com luz de leitura na cabeceira e foram adicionadas algumas features como colunas Marshall, minibar e chaleiras SMEG em todas as tipologias.

Aproveitando a requalificação, foram ainda acrescentados pátios privativos aos quartos do piso térreo, criando uma nova tipologia que até agora não existia. Estes pátios foram construídos em madeira com mobiliário exterior e vista para os jardins do hotel, em perfeita harmonia com estes e com a envolvente natural.

Com estas melhorias – em conjunto com o seu restaurante À TERRA, o Spa que conta com duas piscinas de águas termais abertas em permanência (uma interior e outra exterior) e um ginásio que disponibiliza equipamento de última geração e funciona 24 horas por dia – o Furnas Boutique Hotel pretende consolidar-se como hotel de referência naquela povoação da ilha de São Miguel.