Montemor-o-Novo recebeu a oitava edição de entrega dos Prémios Turismo do Alentejo e a quarta dos Prémios Turismo do Ribatejo, relativos ao ano de 2018. A iniciativa, que é promovida pela Entidade Regional de Turismo (ERT), distinguiu os melhores projetos de agentes públicos ou privados de dez categorias: Melhor Empreendimento Turístico, Melhor Turismo Rural, Melhor Alojamento Local, Melhor Animação Turística, Melhor Enoturismo, Melhor Evento, Melhor Evento de Gastronomia, Melhor Restaurante, Melhor Projeto Público e Melhor Tecnologia de Comunicação.  Em comunicado a ERT destacou que o objetivo na entrega destes prémios é “distinguir e divulgar a excelência e inovação da oferta que, de modo geral, tem contribuído para projetar e afirmar o território nos mercados nacional e internacional”.

Ao todo estiveram 114 projetos em apreciação para ambas regiões, Alentejo e Ribatejo, e a Herdade do Freixo foi a grande vencedora do prémio “Melhor Enoturismo” do Alentejo. Este produtor de vinhos, no Redondo, tem um projeto surpreendente, ousado e inovador, desenhado para perdurar no futuro, num total respeito pela natureza e pelo ecossistema envolvente, já merecedor de outras distinções nacionais e internacionais, como “Building of the Year” atribuída pelo site Arch Daily de NY em 2018.

Foi com grande alegria e emoção que a Herdade do Freixo, recebeu o prémio “Melhor Enoturismo” no Alentejo, agradecendo à ERT, a todos os produtores e parceiros na região, destacando o quanto esta distinção valoriza o empenho diário de toda a equipa em promover a região, seus vinhos e a surpreender os turistas, sublinhando ainda que este prémio contribui para unir ainda mais a família Herdade do Freixo na caminhada de celebração do vinho, da arte e da vida.

Quando se chega à Herdade do Freixo a respiração serena e o coração acalma. O verde das vinhas impera por entre tons floridos e os recortes da serra. Ouve-se o chilrear dos muitos pássaros que ali encontram a sua “casa”, sente-se a brisa, a natureza. Não há a tradicional azáfama de uma adega, não se vêm os materiais empilhados, os camiões… Não se vê sequer a adega! Sim, porque esta é subterrânea. Penetrando no solo, mesmo por baixo das vinhas, há um novo mundo vínico a descobrir. Desenhada por Frederico Valssassina, a Adega da Herdade do Freixo, é verdadeiramente única e impressionante. E quem lá chega, sente-o de imediato. Assim nascem os apaixonantes vinhos Family Collection 2015, Freixo Reserva tinto 2015, Freixo Reserva branco 2017 e os monocastas Freixo Alvarinho 2018, Sauvignon Blanc 2018 e Chardonnay 2018, que podem ser provados no programa de visitas à Herdade.

Desde há três anos que a Herdade do Freixo recebe visitantes e tem vindo a desenvolver a oferta de serviços. “Reorganizámo-nos internamente para corresponder às expectativas de quem nos visita e atualmente disponibilizamos duas visitas diárias, de segunda a sábado, incluindo feriados, às 11h e às 15h00, além de se poderem marcar visitas adicionais para grupos, mediante a agenda de atividades da adega”, afirma Carolina Tomé, diretora de marketing e comercial.

O enoturismo um serviço já muito procurado na Herdade do Freixo, sendo recomendada a reserva prévia para garantir a disponibilidade da data desejada. E agora há uma nova oferta, altamente recomendada e irresistível: um charmoso piquenique, ao pôr-do-sol na planície alentejana, no Oásis das Azinheiras, rodeado pelas vinhas, com produtos regionais e os vinhos da Herdade do Freixo.

Poderia desejar melhor?

Mais informações em http://www.herdadedofreixo.pt/enoturismo/visitas-e-provas-guiadas/