Qual o segredo do big-data? i-Data Meeting revela como transformar o negócio

O i-Data Meeting está de regresso ao Lagoas Park Hotel, no próximo dia 8 de outubro.

371

O evento organizado anualmente pela IFE by Abilways centra-se no tema “conhecimento é poder” e vai abordar questões relacionadas com o big-data em data talks, mesas redondas e apresentações de especialistas. Direcionado aos setores da banca, retalho, saúde ou telecomunicações, o congresso foca-se na gestão do aumento exponencial de dados, na valorização dos dados e na segurança da informação em diversos sectores.

Quatro grandes áreas estão em destaque nesta edição do i-Data Meeting: ‘Business: transformar dados em negócio’; ‘Legal Time: segurança e RGDP’; ‘Analytics: analisar para decidir’ e ‘Tecnologia: a transformação digital da sociedade’. O evento vai abordar o poder dos dados em novos modelos de negócio; o RGDP na era do big-data; prevenção de ciberameaças; análise de dados em áreas como o Marketing ou como utilizar a tecnologia numa perspetiva de empresa inteligente.

Até 2020, vão existir no mundo 40 triliões de gigabytes de dados, segundo dados do estudo IDC para a EMC. O objectivo do i-Data Meeting é preparar Data Analysts, Digital Experts e outros profissionais das áreas de gestão, estratégia e digital para lidar com estas realidades. Também a segurança da informação estará em destaque, uma questão identificada pelo Fórum Económico Mundial como o quarto maior risco a nível internacional, em 2019, após as questões ambientais.

«Com o i-Data Meeting, reunimos os oradores e especialistas mais qualificados para abordar os desafios do big-data e clarificar a utilização desta ferramenta. Um dos grandes desafios da actualidade passa pela gestão, valorização e protecção de dados, elementos essenciais ao presente e ao futuro das empresas e organizações. É necessário continuar a criar conhecimento no sector, para se evoluir construtivamente», refere Vanda Souto, Diretora de Marketing da IFE.

Os oradores vão apresentar a sua visão sobre a temática do big-data na perspectiva de áreas como a banca, empresas tecnológicas, saúde, media, telecomunicações, consultoria, ensino e investigação, entre outras. O grupo de especialistas já confirmados representa entidades como a Zomato Portugal; Público; Rumos; DSPA; comOn; CESCE SI; Grupo Ageas Portugal; REBIS Consulting; Banco Best; BBVA; Centro Hospitalar Lisboa Norte; Salsa; PSE – Produtos e Serviços de Estatística e INDEG-ISCTE.