Estudantes portugueses competem em desafio de inovação em saúde na Europa com resolução de problemas reais

São 31 as organizações e instituições académicas europeias que este ano se juntam aos Innovation Days (i-Days) do EIT Health, uma das mais abrangentes iniciativas mundiais na área dos cuidados de saúde, apoiada pela Comissão Europeia e pelo Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia (EIT), com quatro participantes em Portugal.

1040

Através da apresentação de problemas reais e ferramentas de inovação, os programas i-Days, que estarão em mais 20 países europeus em 2019, promovem a inovação em saúde entre estudantes universitários, em iniciativas que duram um a dois dias em diversas instituições académicas pela Europa.

O objetivo dos i-Days é fomentar o trabalho em equipas multidisciplinares, na busca de uma solução inovadora para um desafio real de saúde, apresentado por projetos do EIT Health. Em Portugal participam na edição 2019 a Universidade de Lisboa e a Universidade de Coimbra, ambas parceiras do EIT Health, e também a Universidade do Porto e a Universidade de Évora, que são Hubs do Regional Innovation Scheme (RIS), programa europeu que pretende apoiar as regiões que têm níveis mais moderados de inovação do que outros países da região no que diz respeito ao desenvolvimento de inovação no setor de saúde e outros setores.

Esta é a segunda vez que os i-Days contam com a presença de Hubs na Europa, o que espelha o empenho das regiões com niveis de inovação mais moderados, bem como a atualização das capacidades dos talentos presente nos países do Centro, Leste e Sul da Europa.

Os vencedores locais dos i-Days ganham uma viagem a Paris onde são convidados a desenvolver as suas capacidades de inovação e empreendedorismo e aprimorar a sua ideia no evento anual de vencedores, que se realiza a 1 de dezembro no Palais Brongniart.