Foto e texto: Evasões

Portugal tem duas marcas de vinhos entre as 50 mais admiradas no mundo: a Symington e o Esporão. A atribuição do estatuto cabe aos The World’s Most Admired Wine Brands, da Drinks International. Tendo ficado em 7º e 13º lugar, respetivamente, estes são também os únicos produtores portugueses da lista, que conta com marcas de todo o mundo.

“É com uma enorme satisfação que informamos que a Symington Family Estates foi eleita a 7ª marca no TOP 10 das Marcas de Vinho Mais Admiradas do Mundo de 2020 pela Drinks International. No Top 10 figuram apenas quatro produtores europeus e na lista completa (50 marcas) apenas dois produtores portugueses”, anunciou a Symington numa publicação no Instagram.

Já o Esporão, citando o CEO João Roquette em comunicado, diz que este reconhecimento da Drinks International “é particularmente especial para o Esporão, pelo seu carácter global, pela abrangência e qualidade do painel que o atribui e como motivação no momento delicado que o mundo vive”.

O Esporão está sediado no Alentejo, mas também tem presença no Douro e na Região dos Vinhos Verdes, enquanto a Symington é o maior proprietário de vinhas do Douro, presente no Alto Douro há mais de 130 anos. Na liderança da lista ficou a Catena Zapata, da Argentina, seguida da Penfolds, da Austrália, e da Torres, de Espanha.

Para a atribuição destes prémios a Drinks International reuniu profissionais da indústria do vinho, como comerciantes, retalhistas, importadores, bartenders, proprietários de garrafeiras e bares, masters of wine, críticos de vinho, jornalistas especializados em vinho e professores de enologia.

Depois, com recurso à Wine Intelligence (empresa especializada em estudos de mercado, estatísticas e consultoria), foram realizadas mais de 160.000 entrevistas a consumidores de vinho de todo o mundo. Os critérios avaliados foram a qualidade e consistência, relação preço – qualidade, “sentido de lugar” dos vinhos, país de origem e o tipo de castas produzidas.