A Ferreira da Cunha Saúde é hoje um player no domínio da saúde em Portugal de extrema relevância e prestígio. No sentido de contextualizar junto do nosso leitor, como tem vindo a marca/instituição a perpetuar uma dinâmica inovadora e próxima dos seus pacientes em prol de cuidados de saúde de excelência?

A FCSaúde presta serviços personalizados de forma a garantir uma experiência completa na abordagem ao utente.  Começando no contacto administrativo até à intervenção do profissional, existem inúmeros detalhes operacionais e humanos que fazem a diferença junto daqueles que cuidamos.

Consideramos a privacidade e segurança dois pilares importantes na gestão dos nossos utentes, e por esta mesma razão falamos com todos, de forma regular, no sentido de nos aproximarmos à resolução ou manutenção dos casos a que nos propomos, conseguindo sempre inovar na abordagem transparente e na capacidade de criar empatia, garantindo a confiança no melhor cuidado.

Assumem-se como uma empresa de saúde e bem-estar ao domicílio, que tem como principal desiderato a criação de uma dinâmica integradora em torno do paciente em qualquer fase da sua vida. É legítimo afirmar que a vossa grande mais valia passa por “levar” a saúde e os serviços da mesma ao paciente?

A nossa visão 360º à volta do utente, com competências para estar presente em qualquer fase de vida, desde a gravidez, à primeira infância, até à 3ª idade, prende-se com o facto de acreditarmos, desde os colaboradores administrativos até aos profissionais de saúde e bem-estar da FCSaúde, que somos capazes de dar uma assistência personalizada e contextualizada ao utente. Através de equipas interdisciplinares, competentes na resposta às necessidades, conscientes da importância de uma educação na saúde.

A proximidade na comunicação e a transparência nos preços, são caraterísticas que queremos definir de forma a ajudar os utentes a terem poder de escolha na oferta atual da saúde e bem-estar existente.

Os nossos serviços dão resposta a diferentes tipos de situações, sejam de tratamento, manutenção, prevenção ou otimização do estado de saúde dos nossos utentes. A grande mais valia da FCSaúde seria ter mais de dez valências à distância de um contacto.

De que forma é que os vossos serviços perpetuam uma resposta a situações díspares? De que forma é que fazem a triagem entre o que é tratamento, manutenção, prevenção ou otimização do estado de saúde dos vossos utentes?

Os nossos profissionais têm acesso direto aos utentes, de forma a poderem acompanhar de perto e adaptar as abordagens e terapêuticas de acordo com o objetivo, vontade ou necessidade dos pacientes.

Desta forma, a personalização é uma realidade e transmite aos nossos profissionais a confiança que precisam para poderem identificar todo o tipo de necessidades e fazer os seguimentos que forem adequados/indicados para cada caso.

No que diz respeito à parte médica, nesta altura de pandemia temos maior incidência de tele e videochamadas, mas em caso de requisição de consultas presenciais, temos até três triagens de forma a avaliar o “nível de segurança” de cada um dos domicílios e abordagens clínicas requisitadas. A primeira triagem seria operacional com perguntas de procedimento básico e com avaliação de sinais de alarme, uma segunda triagem, se necessário, pelo diretor clínico e uma terceira triagem, pode ser realizada, por parte do médico responsável pela conclusão do serviço.

Em circunstâncias não pandémicas, temos uma triagem administrativa + triagem por parte do médico responsável, sempre que necessário. Por último, gostaria de referir que os domicílios têm sido uma realidade crescente nacional e internacional.

A vossa orgânica assenta muito numa dinâmica inovadora na prestação de cuidados de saúde, ou seja, através do vosso site é muito simples e fácil aceder a um profissional de saúde e aos cuidados do mesmo em nossas casas. Porquê a aposta neste formato e de que forma é que os portugueses têm sido recetivos a esta solução?

O nosso objetivo é de que o utente consiga, em poucos clicks no nosso site (www.fcsaude.pt) e num futuro próximo, na nossa app, ter um profissional de saúde à porta da sua casa para dar solução ao motivo pelo qual nos contactou.

Os portugueses têm acedido, reconhecendo esta facilidade de acesso e o trato humano, como os fatores diferenciais no acompanhamento por parte da FCSaúde.

Este formato é uma realidade cada vez mais presente em qualquer área da nossa vida, incluindo a saúde, e nós queremos fazer parte deste processo digital em conjunto com o utente!

A sociedade pede acessos mais imediatos a serviços cómodos, rápidos e com facilidade de agendamento, na segurança das suas casas. Evitando exposições a espaços contaminados e perdas de tempo em deslocações. O que permite aos nossos utentes ganhar tempo familiar e reduzir o stress associado a questões de saúde. Ganham tempo entre deslocações, cada vez que aguardam por um serviço da FCSaúde seja em casa, no local de trabalho ou onde requisitar.

O que nos propomos é ter vários pontos de contacto de acordo com as várias preferências de interação que os utentes têm, seja via email, seja via telefone ou via digital direta, e por isso disponibilizamos também uma linha telefónica, principalmente para os utentes mais idosos, poderem requisitar os serviços, sem que obrigatoriamente tenham acesso a internet.

Sente que atualmente os portugueses ultrapassaram um pouco daquele ceticismo e até desconfiança relativamente a este formato de cuidados e acessos à saúde? Qual a vossa capacidade ao nível de intervenção geográfica atualmente?

Temos uma média de avaliações de 4,92/5 em milhares de inquéritos de qualidade. A verdade é que efetivamente temos tido um acréscimo do número de pedidos de assistência ao domicílio. Somos uma start up em processo de crescimento Nacional e Internacional e reconhecemos a necessidade de todos os utentes terem acesso a um serviço personalizado, competente e seguro.

Atualmente, estamos presentes nas zonas de Lisboa, Odivelas, Loures, Linha de Sintra e Linha de Cascais, mas iremos, brevemente, estar na zona do Porto, Algarve e em algumas das principais cidades do Centro do País.  Ainda não temos perspetiva de introdução dos nossos serviços nas ilhas, mas estamos a realizar esforços para que seja o mais rapidamente possível.

Um dos vossos desideratos passa também pela edificação de uma app que perpetue essa proximidade e facilidade junto dos profissionais de saúde. Para quando esta aposta e de que forma será a mesma essencial para os fitos da Ferreira da Cunha Saúde?

Será crucial na proximidade e comunicação entre a empresa e os utentes. Estamos a preparar uma experiência única e inovadora para os utentes da FCSaúde!

A app que estamos a desenvolver tem como objetivo ser o centro de operações personalizado de cada utente e que permitirá a interação segura com as operações centrais e com os profissionais que realizem acompanhamentos.

Os dados dos utentes e a proteção dos mesmos são a nossa prioridade, por isso temos em conta a importância do acesso facilitado à informação clínica e pessoal, mas tendo sempre em consideração todas as questões de ciber segurança necessárias.

Os agendamentos estarão facilitados e a cobrança digital traz a comodidade que já todos conhecemos. Não comentarei mais nesta fase, para não estragar algumas das nossas surpresas!

No sentido de esclarecer um pouco mais, de que forma é que se processa o vosso sistema de requisição aos domicílios?

1º O utente escolhe o serviço (Informação no nosso site www.fcsaude.pt e revista física)

2º Existe a possibilidade de uma triagem associada ao pedido

3º O utente agenda o pedido requisitado em conjunto com a nossa direção de operações de forma a poder ser dentro das janelas horárias disponíveis para ambos os intervenientes (Utente e Profissional).

Pode ser requisitado, desde um médico para uma situação de urgência até um agendamento com meses de antecedência (Exe fisioterapia pós-operatória).

4º O utente paga confortavelmente (antes ou durante a consulta, dependendo do meio de pagamento escolhido)

5º É realizada a consulta/sessão

6º Realizamos pontos de situação clínico entre 48h a 72h (se necessário/aplicável)

Vivemos atualmente um momento delicado devido ao COVID-19. De que forma é que este novo paradigma alterou a vossa orgânica e como estão a lidar com o mesmo? De que forma perpetuam um apoio ainda mais sustentado aos vossos utentes?

Todos os nossos valores estão a ser praticados aos preços mais baixos/competitivos (Preços Premium), de forma a conseguirmos contribuir para uma redução do impacto económico que esta situação pode ter na carteira do utente.

Acreditamos poder ter um papel fundamental, a longo prazo, apresentando-nos como uma das soluções para a manutenção do estado de saúde dos nossos utentes!

Todos os nossos casos são acompanhados e monitorizados, sendo que o nosso objetivo é poder diminuir a afluência hospitalar, diminuir contactos e graus de exposição social, e ajudar todos aqueles que a nós recorrem.

Temos tido nas últimos semanas e meses um aumento significativo do número de pedidos, principalmente de Telemedicina e do nosso “Check Up Covid-19”.

Numa altura de contenção as pessoas querem ter respostas para as suas dúvidas e inseguranças, associadas a este tema.

Procuram nos profissionais de saúde a confiança para a informação, de forma a fazerem uma melhor gestão psicológica, física e social das medidas que devem adotar, dependendo do estado e fases clínicas apresentadas.

Que palavra lhe apraz dizer a todos os profissionais de saúde, nas mais diversas áreas, que neste momento lutam diariamente pela saúde de todos os portugueses?

Quero demonstrar a minha consideração, respeito empatia e orgulho nos meus colegas médicos, em todos os enfermeiros, profissionais de saúde, administrativos, motoristas, voluntários, forças de segurança e todos os outros que de uma forma ou outra contribuem para o nosso bem-estar, num momento que nos marcará para sempre as memórias.

Quero ainda reforçar o papel da vocação e da responsabilidade social que os profissionais de saúde e outros intervenientes apresentam, pondo em risco as próprias vidas em prol de todos os portugueses e estrangeiros a viver em Portugal!

Mais que palavras gosto de demonstrar através de atitudes, não havendo nada que possa escrever, que demonstre de forma assertiva, o que esta situação nos veio apresentar como uma grande aprendizagem.

Não estamos no momento de avaliar individualidades, mas sim o trabalho de equipa de todos nós. Fazemos cada dia o melhor que conseguimos de forma a apoiar-nos entre todos e passarmos esta fase com menor número de ocorrências possível!

O que podemos continuar a esperar por parte da Ferreira da Cunha Saúde para o futuro? Que desafios terão de ser alcançados e ultrapassados?

A FCSaúde acredita na qualidade de serviço e trabalhamos todos os dias nesse sentido! Queremos ser um prestador de serviços do utente e dos nossos parceiros, sempre apresentando humildade, transparência, excelência, dedicação, empatia e resiliência, que são caraterísticas da nossa empresa.

Queremos apresentar coerência na qualidade da gestão clínica, mas acima de tudo na proteção dos interesses do utente.

Procuramos encontrar profissionais que partilhem os nossos valores e podermos estar a nível Nacional brevemente, de forma a poder prestar cuidados de saúde e bem-estar a todos os utentes que nos necessitem!

Não acreditamos na venda dos serviços de saúde, mas sim na indicação por necessidade! Esperamos poder encontrar nos nossos utentes parte das respostas de como querem caminhar em conjunto “A pensar no seu futuro”.