Hight Value – Inovação e Sustentabilidade na avaliação de património

A ANAI - Associação Nacional de Avaliadores Imobiliários lança High Value - Inovação e Sustentabilidade.

365

O projeto tem como objetivo dotar Peritos Avaliadores as PME em novas áreas de atuação no setor de avaliação de património, permitindo-os atuar em fatores críticos de competitividade como o Investimento, Internacionalização, Sustentabilidade e Especialização. A construção de um road map constituído por e.books especializados em áreas inovadoras em Portugal e a realização de workshops de disseminação são apenas algumas das atividades previstas para este ano.

No ano 2017 existiam em Portugal mais de 1100 empresas de avaliação de património responsáveis por um volume de negócios superior a 35 milhões de euros. Nos últimos três anos, o setor assistiu a um crescimento anual de 10% no volume de negócios, que muito se deve à explosão do setor da construção, do turismo e ainda ao aumento da atratividade de Portugal para a captação de investimento estrangeiro, tendo surgido cada vez mais Fundos de Investimento Imobiliário estrangeiros interessados no património nacional.

“Porque a Avaliação de Património apresenta-se como uma atividade basilar do processo de tomada de decisão este é um setor profissional que crescentemente vê reconhecida a sua importância, não só junto do sistema financeiro, mas também junto de outros setores, que pretendam assegurar a transparência e rigor nos processos que impliquem direta ou indiretamente a determinação de valores. E, mesmo em tempos marcados pela incerteza devido à atual crise sanitária, com desafios crescentes para os Peritos em termos de avaliação e reporte dessas mesmas avaliações de forma útil e informativa para os clientes, considero que a atividade de Avaliação será fundamental para restaurar a confiança dos mercados e garantir a clara e transparente continuidade de transações imobiliárias. Perante os desafios enunciados os Profissionais e as Empresas do Setor da Avaliação de Património obrigatoriamente têm de apostar na qualificação e na inovação,” afirma Ramiro Gomes, presidente da ANAI.

No âmbito do High Value – Inovação e Sustentabilidade na Avaliação de Património estão previstos a construção e difusão de um conjunto de manuais, em temas que nunca foram publicados até então, que vão permitir desenvolver informação relevante em matérias emergentes e de elevado impacto para a qualificação e inovação das atividades de avaliação de património.

O projeto Hight Value – Inovação e Sustentabilidade visa o incremento das competências empresariais das PME que atuam no setor da avaliação do património, promovendo a qualificação e a diversificação da oferta de serviços através da inovação e progressão na cadeia de valor. O projeto conta com um investimento elegível de 271.751,91E e um apoio financeiro da União Europeia de 230.989,12€. O projeto é apoiado pelo Portugal 2020, no âmbito do COMPETE 2020 – Sistema de Apoio às Ações Coletivas, cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.