“O SUCESSO DA STILL É, SEM DÚVIDA, GERADO PELOS NOSSOS CLIENTES”

Integridade, colaboração, coragem e excelência são os valores pela qual a STILL – líder no fornecimento de empilhadores, porta paletes, tratores e sistemas de Intralogística – se rege há 100 anos. Para Frederico Alves, Managing Director STILL Portugal, a cronologia de sucesso muito diz respeito à competência elétrica da empresa e não só. Conheça todos os detalhes.

238

Com cerca de 8900 colaboradores, seis fábricas de produção, 14 filiais na Alemanha, 21 empresas subsidiárias no estrangeiro e uma rede composta por 240 concessionários em todo o mundo, a STILL está ativa com sucesso à escala mundial. Com uma base sólida criada desde 1920, como nos pode descrever os fatores-chave na história da empresa, nomeadamente em Portugal, até aos dias de hoje? Ao que se deve todo o sucesso?
Durante 100 anos, o sucesso dos nossos clientes tem sido o motor das nossas atividades. Compreender as suas necessidades individuais e satisfazê-las com ideias versáteis e inovadoras é o nosso impulso. O nosso foco é desenvolver e implementar soluções Intralogísticas personalizadas, com um valor adicional que vai para além da soma das suas partes.
Há 25 anos, o modelo de negócio da STILL era vender equipamentos e serviços de assistência. Era um modelo mais simples, sendo atualmente mais integrado e complexo. Qualquer parceiro de negócio procura mais que uma alternativa, e espera que do outro lado existam soluções disruptivas da realidade que tem estado presente até à data.
As organizações têm de ter, cada vez mais, a capacidade de se adaptarem e de reagirem mais rápido à evolução dos mercados.
Citando Charles Darwin: “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente. Sobrevive o que está mais disposto à mudança.”.
O grande desafio para a STILL, é dotar as suas organizações de uma visão holística do modelo de negócio dos nossos clientes, por forma a apresentar sempre, os melhor serviços e soluções possíveis. Tudo isto, suportado por um contínuo crescimento sustentado da organização, mantendo uma atitude resiliente que permita ultrapassar as dificuldades que os tempos modernos nos trazem.
O sucesso da STILL é, sem dúvida, gerado pelos nossos clientes. Este propósito passa, de uma forma muito concreta, por todos os colaboradores da STILL que trabalham diariamente com o objetivo de garantir que os resultados são alcançados.
Integridade, Colaboração, Coragem e Excelência são os valores corporativos que nos movem.

Com a mais elevada qualidade, confiabilidade e tecnologia inovadora, a STILL responde desde sempre, às exigências de pequenas, médias e grandes empresas. Fale-nos um pouco das soluções completas individualizadas que a empresa tem para oferecer e que correspondem a estes requisitos e dos programas de logística informatizados para uma gestão eficaz do armazém e do fluxo de materiais.
Existe neste momento uma forte procura por digitalização, automatização e conectividade.
Como disse Dieter Zetsche, ex-CEO da Daimler: “Os automóveis não são tudo”.
Esta é também a nossa visão e o nosso objetivo a curto prazo, ou seja, oferecer serviços e soluções que vão para além do simples equipamento. As características técnicas e a performance, enquanto equipamentos, são sem dúvida importantes e em alguns casos, ainda diferenciadores. Onde estas não desempenham um fator decisivo, temos de oferecer soluções que tragam benefícios concretos. Um exemplo é o STILL neXXt Fleet. Trata-se de uma plataforma digital que permite aos nossos clientes controlar os dados das suas frotas, e transformá-los em análise de todos os custos associados na procura da melhor eficiência e rentabilidade. Tudo com total transparência.
Sistemas de segurança ativa e passiva permitem melhorar a segurança das operações, reduzindo acidentes e maximizando a produtividade.
O setor da automatização tem vindo a registar uma procura crescente, com as empresas a solicitarem modelos que lhes permitam reduzir a complexidade das suas operações, libertando recursos essenciais para as suas atividades core.
Resumidamente, a nossa estratégia global passa por perguntar: como podemos desenvolver modelos de negócios adaptados às necessidades específicas dos nossos clientes?

Num mundo em constante mudança, interessa que as pessoas, empresas e organizações se destaquem de forma a acompanharem as normais evoluções a que a sociedade está sujeita. Um ponto assente na STILL é a dinâmica na inovação e criatividade diária nos seus produtos e serviços. Aqui, podemos afirmar que a qualidade está aliada à inovação tecnológica?
Sem dúvida. A qualidade nos produtos que desenvolvemos, é fundamental para asseguramos a continuidade das parcerias comerciais que estabelecemos ao longo dos anos, e com isso a sustentabilidade das organizações. Por isso, prestamos atenção a todos os detalhes, e lançamos produtos com elevado grau de confiabilidade.

Assegura que os empilhadores elétricos da STILL são altamente fiáveis, resistentes e muito económicos. Recentemente, apresentou o novo modelo empilhador elétrico da família RX – e já o eleito dos clientes. Que vantagens tem este novo equipamento?
O novo RX 60 é um empilhador completamente novo. Não se trata de um facelift, já que a anterior geração estava no mercado há mais de 13 anos.
Estes novos empilhadores são baseados em 3 pilares fundamentais: Eficiência, Ergonomia e Segurança. Estes têm sido as principais prioridades da STILL, tal como o compromisso com o meio ambiente. Cerca de 95% dos componentes são recicláveis e associados a uma forte eficiência energética, resultando num forte compromisso para um mundo mais sustentável.
Sempre que lançamos um novo produto, temos uma grande preocupação que o mesmo seja o mais eficiente possível, sem nunca comprometer a ergonomia e a segurança de quem o opera. O RX60, vencedor do IFOY Award (premio para melhor empilhador do ano 2020), rapidamente se tornou numa referência no respetivo segmento. Tivemos a capacidade de lançar um equipamento que apresenta uma produtividade acima da média, sem comprometer a eficiência energética e o compromisso com o meio ambiente.
Com uma aceleração recorde, e velocidade máxima de até 21 km/h, o RX60 apresenta um novo conceito no que respeita aos motores elétricos. Está equipado com dois motores, um sistema de refrigeração ativa e otimização de todos os circuitos elétricos, garantindo tempos de resposta curtos e potência máxima, com o mínimo de perdas energéticas possíveis. A tudo isto, soma-se mais dinamismo, maior desempenho de condução e manuseamento, disponibilidade, versatilidade.
Por outro lado, o RX60 trouxe importantes melhorias ao nível do conforto e ergonomia do espaço do operador. A partir do banco do condutor, o operador tem uma visão completamente desobstruída do ambiente que o rodeia, através de uma cabine robusta com um painel de vidro adicional de série.
Uma parte dianteira baixa e um posicionamento otimizado dos comandos e visores, permitem melhorar significativamente a visibilidade.
Todas as informações são fornecidas numa linguagem neutra e facilmente compreensível, através do sistema de controlo STILL Easy, um display colorido e totalmente gráfico. As funções individuais do empilhador também podem ser ativadas através de comandos intuitivos e totalmente customizáveis. Pode ainda ser conectado, ao STILL Fleet Manager para controlo de acesso e avaliação do empilhador ou dos dados de operação, ou ao neXXt Fleet para um controlo inteligente e eficiente da frota.

Além disso, são o número um sempre que a redução do ruído e a ausência de poluição dos gases do escape são uma prioridade. Quão importante foi para a STILL começar a produzir empilhadores elétricos? Acredita que são o futuro da mobilidade dos mesmos? E no que à durabilidade das baterias diz respeito, particularmente do novo modelo?
A competência elétrica é a pedra angular da história de 100 anos de sucesso da STILL. Desde os geradores móveis de energia, passando por empilhadores elétricos inovadores do pós-guerra até ao primeiro empilhador elétrico mais produtivo do que os empilhadores térmicos comparáveis, a STILL sempre criou histórias eletrizantes.
Um olhar sobre o génio e inventor Hans Still mostra que valores e estratégias se tornaram fatores-chave desde 1920. Hans Still combinou proveitosamente os dois fatores “eletrificação” e “mobilidade”. O fundador da empresa reconheceu a crescente procura de fornecimento de eletricidade móvel, e com um elevado espírito empreendedor e pioneiro criou o gerador compacto de fácil utilização, que trouxe energia elétrica para onde era necessária.
No contexto da omnipresente falta de combustível nos anos do pós-guerra, Hans Still começou a desenvolver transportadores elétricos em julho de 1945. Em 1946, apresentou o carro elétrico EK 2000, robusto, manobrável e independente dos caros combustíveis fósseis. Este veículo marcou o início do percurso da STILL para se tornar um fabricante de equipamentos industriais.
Até meados dos anos 50, os empilhadores eram praticamente desconhecidos na Europa. O mercado europeu de empilhadores, recebeu os primeiros impulsos em 1946, quando as forças de ocupação americanas venderam empilhadores do stock do exército a empresas alemãs. A STILL rapidamente reconheceu a necessidade de equipamento de transporte que pudesse não só rebocar, mas também levantar. Assim, foi lançado em 1949, o EGS 1000, o primeiro empilhador da STILL. Em 1977, a STILL agrupou muitas das inovações até então alcançadas na série de empilhadores elétricos R 50, que se tornou no empilhador de três rodas mais vendido na sua classe.
Sem dúvida que a e-mobility é um dos assuntos que mais estão na ordem do dia. Da mesma forma que esta tendência interage nas nossas vidas privadas, onde cada vez mais se procura o caminho da sustentabilidade energética e a salvaguarda do meio ambiente em prol das gerações futuras, também a STILL está totalmente focada no desenvolvimento de soluções energéticas mais sustentáveis. Todos os nossos equipamentos estão não só preparados para a utilização do sistema convencional de baterias, mas também preparados para as mais recentes tecnologias como as baterias de Li-ION.
A STILL sempre foi pioneira na e-mobility. Os nossos empilhadores elétricos atraem o mercado, e a tecnologia de iões de lítio STILL sustenta a nossa afirmação.
Esta tecnologia oferece uma solução global perfeitamente harmonizada, incluindo o equipamento, a bateria de iões de lítio e o carregador. Todo o sistema comunica como um todo, garantido sempre, que apenas é consumida a energia indispensável para a realização da operação. Desta forma, conseguimos garantir a maior eficiência energética possível, minimizando todos os ciclos de carga não necessários.

Tendo uma vontade insaciável para inovação, quão impactante se tornou a pandemia que vivemos atualmente na metodologia de trabalho da empresa? Podemos afirmar que tal não foi impedimento para a criatividade?
Definitivamente, a atual situação pandémica veio alterar o dia a dia da STILL, tal como o conhecíamos até então.
De um momento para outro, ficámos sujeitos às medidas de confinamento. Não só tivemos de reinventar todos os nossos processos e formas de interagir, mas fomos também capazes de solucionar de forma bastante criativa alguns constrangimentos que foram surgindo.
Esta criatividade, levou-nos a simplificar de forma acentuada muitos processos que tínhamos dado como certos. Tal resultou de forma tão positiva, que desde março passado, mantemos grande parte do nosso staff em regime de Smartwork (teletrabalho), sem qualquer perda de produtividade.
No entanto, não foi possível de manter toda a equipa confinada. Estabelecemos prioridades muito concretas na resolução dos problemas nos equipamentos dos nossos clientes. No meio de uma crise sanitária sem precedentes, foi absolutamente prio-ritário manter todas as cadeias de abastecimento em funcionamento, para que nada pudesse faltar às populações. Tivemos de lidar com planos de contingência muito rigorosos e implementar os nossos, num processo de melhoria contínua.
O que se notou de forma muito impactante, foi como todos se adaptaram a esta nova realidade, mostrando enorme espírito de equipa e elevada resiliência. Neste ano tão atípico, o mais expectável seria uma quebra nos resultados operacionais, mas esta união entre todos culminou no melhor ano de sempre da STILL.

Para este 2021 que acaba de começar, que outro projeto tem já em mente? Será lançado algum novo serviço ou produto igualmente inovador e sustentável?
Os últimos anos têm sido plenos de novos lançamentos e evoluções no mercado. O ano de 2021 não será exceção, e teremos a oportunidade de lançar novas soluções na área da digitalização e conectividade. Mantemos o foco na automatização e sustentabilidade.