Dia da Mulher: Ironhack & Women in Tech promovem semana de eventos para incentivar maior presença de mulheres na área da tecnologia

No mês em que se celebra o Dia da Mulher, a escola Ironhack quer sensibilizar para a baixa presença de talento feminino na área tecnológica e promove o evento global “Women in Tech Week”, que conta com 13 talks gratuitas nas quais convidadas de entidades de renome como a Google, o Parlamento Europeu ou o CERN partilharão a sua experiência na área.

1006

Embora existam cada vez mais profissionais mulheres na área, dados de 2018 da Eurostat mostram como mais de 80% dos lugares em empresas tecnológicas ainda são ocupados por homens. Já um estudo do mesmo ano da Women in Tech – Global Movement afirma que, em Portugal, apenas 16% dos empregos na área são ocupados por mulheres.

Segundo Claúdia Mendes Silva, Embaixadora da Women in Tech em PT, com esta parceria com a Ironhack, o objectivo é criar competências com foco nas tecnologias, dirigidos às gerações que procuram reclassificação de carreira e às mais novas ainda em processo de decisão da área de formação a seguir. É a montante, e pela educação de competências digitais e computacionais, que os números apresentados podem ser revertidos.

É urgente desconstruir preconceitos e estereótipos de género sobre profissões tecnológicas e liderança feminina, demonstrando como se trabalha a tecnologia e com a tecnologia. Promover a visibilidade do trabalho feminino neste sector e em especial em cargos de liderança, com a voz das mulheres de hoje na tecnologia, em contexto nacional e internacional é também, uma forma de dotar as mulheres de conteúdos que podem fortalecer a sua carreira e abrir novos horizontes.

Neste sentido, a Ironhack pretende criar condições para que mais mulheres entrem numa área em rápido crescimento e com baixas taxas de desemprego.

“Na maioria dos nossos bootcamps, ainda sentimos uma grande lacuna de alunas, sendo que a área de UX/UI é aquela onde têm maior representatividade. Como tal, queremos mostrar como a área tecnológica não é exclusiva para homens e promover a diversidade num setor que precisa de talento especializado, urgentemente. Independentemente do seu percurso, na Ironhack terão a oportunidade de aprender competências novas e extremamente valorizadas para uma carreira de sucesso na área da tecnologia”, afirma Munique Martins, responsável pelo campus da Ironhack de Lisboa.

Durante os dias 8 e 12 de março, a Ironhack, em parceria com o movimento global Women in Tech, organiza a “Women in Tech Week”, que consistirá em 13 eventos globais e locais que contarão com a participação de mulheres em cargos de topo em empresas tecnológicas. No dia 9 de março, o evento local contará com as participações da eurodeputada Maria Manuel Leitão, e de Claúdia Mendes Silva, Embaixadora da Women in Tech em PT, que falarão sobre como encontrar os mentores certos em Portugal para conhecer melhor o ecossistema de tecnologia português. Oradoras como Beatriz Santos, responsável pela gestão de marca dos vinhos Aveleda, ou Linda Pereira, CEO da produtora de eventos internacionais, CPL Meetings & Events, vão também marcar presença, com dicas para lidar com a síndrome do impostor. Por sua vez, Elizaveta Ragozina, engenheira de software do CERN e ex-aluna da Ironhack, abordará o tema “Encontrar um trabalho em tech”. Outros tópicos como “Iniciativas para capacitar as mulheres na tecnologia” ou “Começar e manter uma carreira em tecnologia sendo mulher” serão abordados, no dia 8 e 10 respetivamente. Para além das talks vão haver dois workshops, um sobre UX/UI e outro sobre Data, para as mulheres que estão a pensar entrar no mundo da tecnologia. Todos os eventos podem ser vistos aqui.