“Na Finpartner somos ensinados a encarar os desafios de frente”

103

Numa altura em que as incertezas predominam, devido às constantes alterações da sociedade e do mercado, de que forma a equipa da Finpartner tem sido motivada a desempenhar o seu papel com a dedicação e excelência conhecidas?

Na Finpartner somos ensinados a encarar os desafios de frente. Estamos habituados à adaptação constante pelo que as alterações para nós são vistas como oportunidades de fazermos mais e melhor. Temos uma chefia que nos motiva diariamente e nos auxilia sempre que necessário, mostrando-nos o caminho a seguir, mas dando-nos liberdade para o fazermos como acharmos melhor, tendo a plena confiança no nosso trabalho. O facto de possuirmos um forte espírito de equipa e de todos se ajudarem uns aos outros sempre que é preciso, independentemente dos cargos exercidos, é uma grande mais valia para todos, faz com que sejamos muito mais eficientes e com que todos os problemas se tornem automaticamente menores.

Enquanto Chefe de Equipa, quais são as principais sensações que permanecem após um dia de trabalho na empresa?

Liderar uma equipa nem sempre é fácil e requer um grande desenvolvimento não só enquanto profissional, mas enquanto pessoa. É uma grande responsabilidade porque temos alguém que está a seguir os nossos passos e para quem somos o exemplo, mas é também muito gratificante poder contribuir para o crescimento dos outros e vê-los ir trilhando o seu próprio caminho. Saber que posso fazer toda a diferença no dia a dia da minha equipa através de uma liderança positiva, dando-lhes todo o apoio e motivando-os quando as coisas não correm como esperado.

O que significa trabalhar na Finpartner?

Trabalhar na Finpartner significa não ter dois dias iguais. Apesar de prestarmos serviços de contabilidade, somos uma empresa muito dinâmica e proativa que tenta todos os dias fazer um pouco mais para atender a todas as necessidades dos nossos clientes. É também uma aprendizagem diária, a todos os níveis. Tenho aprendido muito desde que entrei na Finpartner, mas principalmente desde que sou chefe de equipa, a partilha de conhecimento com os outros requer uma abordagem muito mais clara daquilo que sabemos para o conseguirmos explicar da melhor forma possível. Entrei na Finpartner em 2018 como júnior, sem qualquer experiência na minha área de formação e desde logo que senti que fazia parte deste projeto. Tive a sorte de ter encontrado uma líder (Daniela Esteves) que confiou plenamente nas minhas capacidades e de me deu todas as oportunidades para crescer, a quem eu tenho muito a agradecer. Tenho muito orgulho em fazer parte desta empresa e poder dar o meu contributo para o seu crescimento que tem sido notável.