Conheça os cinco municípios que mais atraem estrangeiros

Segundo um estudo do idealista, Lisboa, Loulé, Albufeira, Cascais e Porto foram os cinco municípios mais procurados por não residentes para adquirir uma habitação no país no segundo trimestre de 2022.

Data:

O clima ameno, a gastronomia típica, a segurança, as praias e as paisagens verdes de Portugal atraem estrangeiros dos quatro cantos do mundo para visitar e viver no país. E há ainda programas como os vistos gold que incentivam o investimento estrangeiro no mercado imobiliário nacional em troca de autorizações de residência.

Lisboa foi a cidade que registou a maior procura por parte dos estrangeiros para adquirir uma casa. A liderar as pesquisas encontram-se os norte-americanos, seguidos por brasileiros, ingleses, alemães e franceses.

Loulé foi o segundo município que mais interesse despertou pelos estrangeiros para comprar casa, sendo os ingleses os que mais procuraram, seguidos pelos franceses, alemães, norte-americanos e os neerlandeses.

O Algarve volta a estar representado neste ranking, com Albufeira na terceira posição dos municípios com mais interesse estrangeiro nas casas à venda. Os países que lideram as pesquisas, por ordem de preferência, são França, Reino Unido, Suíça, Alemanha e Países Baixos.

O município de Cascais foi o quarto mais procurado pelos estrangeiros para comprar uma casa em Portugal. Os norte-americanos foram os que mais procuraram, seguidos pelos brasileiros, ingleses, alemães e espanhóis.

O Porto é o quinto município português que apresenta mais procura estrangeira de casas à venda. Os norte-americanos foram os que mais procuraram, seguidos pelos brasileiros, franceses, espanhóis e alemães.

Conheça aqui o estudo completo.

Partilhar

Revista Digital

Revista Pontos de Vista Edição 129

Popular

Mais Artigos deste tipo

DepilConcept abre clínica na Maia

Os novos franchisados da insígnia vêm de áreas distintas....

Ornatos Violeta celebram 25 anos de “O Monstro Precisa de Amigos”

O concerto de celebração do 25.º aniversário do segundo...

Venda de livros cresceu 5,8% de janeiro a março, face ao mesmo período de 2023

Segundo a Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL),...