Infusões com História: Valorizar as Pessoas e a Natureza

Respeitar e valorizar a diversidade que Portugal oferece é o propósito da “Infusões com História”, uma marca que eleva os benefícios de Plantas Aromáticas Medicinais. Em conversa com a Revista Pontos de Vista, o Administrador, Miguel Moreira, revelou de que forma têm vindo a pautar uma evolução sustentável, reforçando o compromisso ecológico, que tanto defende. É caso para dizer: desfrute.

Data:

A “Infusões com História” foi fundada há cinco anos, enquanto marca que produz infusões e chás biológicos que valorizam o nosso país. De que tipo de produtos estamos a falar?
De uma forma muito simples, estamos a falar de Plantas Aromáticas Medicinais (PAM), que são preparadas e misturadas para serem Infusões de elevadíssima qualidade. As Infusões Premium, da Infusões com História, juntam PAM 100% naturais, 100% biológicas e 100% nacionais, de espécies autóctones das regiões do Românico e do Douro, dando origem a várias misturas exclusivas.

Sabemos que esta é uma marca que respira o ar puro da montanha e colhe da natureza as matérias-primas que estão na sua origem, traçando duas rotas pelo norte de Portugal: a região do Românico e do Douro. Assim, como descreve a sua evolução ao longo dos anos?
A evolução da marca foi muito positiva e respeitou sempre os objetivos dos seus criadores, isto é, foi sempre ao encontro da valorização dos territórios, das suas gentes e das suas tradições. O grande lançamento da marca aconteceu no último trimestre de 2019, aquando da apresentação da primeira gama “Misturas do Românico” – Infusão do Mato, Infusão Montanha de Sensações e Infusão Românico Português. Em 2020 a Região do Alto Douro Vinhateiro serviu de inspiração para a criação da segunda gama “Misturas do Rio e da Vinha”, num verdadeiro casamento entre o rio e a vinha. Fazem parte desta gama seis Infusões: Balsâmica, Floral, Mística, Vibrante, Estival e Subtil. Esta gama veio revolucionar, desde a sua criação, o mercado português, mas também o mercado internacional. Em 2021 ocorreu um ponto de viragem, com a aposta no conceito Premium – Pairing de Infusões, da Infusões com História. O foco neste conceito valorizou ainda mais os nossos produtos, permitindo à marca a entrada no mercado de luxo e a conexão com os melhores Chefs, Sommeliers, Hotéis e Restaurantes. Ainda sobre 2020 e 2021, somámos sete prémios no concurso internacional Les Thés du Monde, organizado pela AVPA – Agence pour la Valorisation des Produits Agricoles, em Paris, obtendo a maior distinção, o Gourmet Or para a Infusão Vibrante, da gama Misturas do Rio e da Vinha.

De que forma, a marca tem vindo a pautar um crescimento sustentado guiando-se por valores que em muito valorizam o que de bom Portugal tem?
O nosso crescimento é pautado por valores que enriquecem o nosso país e protegem as pessoas e a natureza. Valorizamos e potenciamos as nossas Infusões, colocando-as em canais em que habitualmente não estavam, mas com total respeito pela Natureza. Paralelamente ao trabalho que fazemos com as Infusões, Tisanas e Chás, criamos sinergias com parceiros nacionais, como é o caso das colheres medidoras da Cutipol e do barro negro de Gondar do César Teixeira, de forma a potenciar ainda mais as experiências dos nossos clientes.

Com base em ingredientes naturais, biológicos e nacionais, as gamas disponíveis dividem-se pela Infusão do Mato, a Montanha de Sensações, o Românico Português e os Chás BIO do Douro. Quais os melhores benefícios que, aqueles que procuram estes produtos, retiram dos mesmos?
O nosso posicionamento passa acima de tudo pela valorização dos aromas e dos sabores das PAM, neste caso em concreto, das misturas que criamos (todas as nossas misturas são únicas e resultam de um trabalho concertado entre a Professora Doutora Ana Maria Carvalho, do Instituto Politécnico de Bragança e diversos Sommeliers). Podemos dizer que o nosso trabalho é muito mais de cariz gastronómico, do que propriamente dito medicinal. Mesmo assim, tendo em conta que utilizamos apenas Plantas Aromáticas Medicinais (PAM), de secagem tradicional e sem adição de aromas, as nossas misturas acabaram por ser digestivas, hidratantes e saciantes. Entendemos que o consumo das Infusões deve ser orgânico, diverso e prazeroso. A prática de beber Infusões, Tisanas e Chás acompanha-nos há centenas de anos, muito por questões culturais, de rituais e tradições ou mesmo devido às propriedades medicinais das mesmas (evidenciadas através do uso tradicional). Esta é uma excelente forma das pessoas consumirem líquidos e se hidratarem, para além de que as nossas misturas exclusivas apresentam propriedades medicinais que ajudam a cuidar da mente e do corpo. A presença de certos antioxidantes, propriedades antibacterianas, anti tumorais, vitaminas ou minerais, são uma mais-valia que potencia ainda mais as Infusões, Tisanas e Chás de uma forma geral.

Certo é que nas misturas das infusões é possível encontrar sabores que “são um convite a descobrir os socalcos e as vinhas classificadas como Património da Humanidade pela UNESCO”. Podemos afirmar que esta primazia pela excelência aliada à constante inovação, funcionam na perfeição e elevam a qualidade do que oferecem?
Sem dúvida que a aposta na produção de misturas exclusivas aliadas à inovação e à autenticidade, permitem que a qualidade dos nossos Produtos seja elevada. Permitem igualmente valorizar aquilo que é nosso e que tem muito valor. Portugal é reconhecido pelos Vinhos, Azeites e Cortiça, mas a Infusões com História tem vindo a posicionar as suas Infusões no circuito internacional, nomeadamente junto de Chefs e Sommeliers que trabalham em restaurantes de prestígio. Estamos convencidos que as Infusões, da Infusões com História são um excelente cartão de visita daquilo que melhor se faz em Portugal, nomeadamente no Norte de Portugal.  Os nossos fatores diferenciadores, permitem posicionar as Infusões, da Infusões com História, num segmento de mercado que é pouco explorado e que tem muito valor (nacional e internacionalmente).

Mais do que um produto, sabemos que a “Infusões com História” pretende recuperar o legado de Portugal, despertando experiências sensoriais com o propósito de cada pessoa valorizar o território. Porquê a criação deste conceito?
Com o passar dos anos chegámos à conclusão de que a Infusões com História só conseguiria ser ela própria, de forma transparente e verdadeira, se explorasse as várias emoções associadas ao consumo dos seus blends. A partir de experiências sensoriais, que invocam os cinco sentidos, conseguimos valorizar o Legado de Portugal. A criação deste conceito é, acima de tudo, a afirmação de uma identidade própria, impulsionadora de viagens que são estabelecidas através do palato, dos Sabores e Aromas que encontramos na Natureza.

O conceito de sustentabilidade tem vindo a mudar ao longo dos anos, sendo que atualmente é um dos principais propósitos de empresas e países em prol da proteção do planeta. Quão essencial é continuar a promover a sustentabilidade?
Seria impensável pensar que uma empresa, nos dias de hoje, não olhasse para este assunto com toda a atenção que merece, pois é fundamental para a eficiência operativa, gestão de recursos e exigência de clientes, fornecedores e reguladores. Só existe uma forma de conseguirmos proteger o nosso planeta e a mesma passa pela aposta na sustentabilidade, tanto no meio empresarial como no nosso seio familiar e pessoal. A sustentabilidade também reforça as nossas escolhas, de trabalhar produtos orgânicos, locais e de secagem tradicional. A passagem de um consumismo impraticável para um consumismo inteligente, perspicaz, amigo do ambiente e que permite a consciencialização da sociedade, torna-se fulcral.

Na orgânica da “Infusões com História”, em que medida é promovida a sustentabilidade e de que forma têm vindo a perpetuar essa aposta?
Na Infusões com História também consideramos este tema de grande relevância, não por estar na ordem do dia, mas por fazer parte do nosso ADN. Como é que o nosso crescimento é exponencial? A resposta reside nas nossas escolhas: todos os dias focamo-nos no comércio justo, na agricultura biológica, na preservação e respeito dos Ecossistemas, no aproveitamento integral das plantas aromáticas (zero desperdícios), no incentivo por colheitas manuais que reduzem o impacto ecológico, na diversificação das espécies autóctones (menor risco de falta de escassez), entre outras medidas positivas e sustentáveis.

Segundo a marca, a sustentabilidade e o comércio justo são pilares basilares em toda a produção, para que a História continue. É legítimo, portanto, afirmar que, escolher a “Infusões com História” é fomentar estes valores? Em que sentido?
Sem dúvida, pois ao escolher a Infusões com História está também a apostar numa marca que pretende continuar com todos os desígnios já acima descritos. Por exemplo, quando os consumidores compram os Produtos Premium da Infusões com História, estão a proteger todo um processo que valoriza os parceiros locais, os territórios, os artesãos, as Pessoas que por lá vivem e a Natureza. No fundo, como existe um vínculo muito forte, não em termos de dependência, mas sim de entreajuda e vontade em perpetuar determinados princípios, todos ganham e todos crescem na comunidade. A compra de uma Infusão não é apenas uma compra, torna-se na criação de uma História cheia de emoções e que deixa os diversos intervenientes felizes e extremamente satisfeitos.

Um dos objetivos – e bem curioso – da marca, é assumir-se como uma opção ao vinho, no início e fim das refeições. Qual tem sido a aposta neste sentido? De que forma o promovem?
O lançamento do conceito Premium – Pairing de Infusões, da Infusões com História -, demonstrou que é possível, sim, substituir o vinho, como acompanhamento dos menus dos Chefs, por blends onde o terroir e o savoir-faire tornam a marca num projeto tão singular. Mais uma vez a exclusividade impera nesta aposta e permite que as Infusões, da Infusões com História, estejam presentes nas cartas de restaurantes de topo, tanto por parte dos melhores Chefs de Cozinha e Pastelaria, para as suas preparações, como também por parte dos Sommeliers e Mixologistas, para pairings e cocktails. Assim sendo, este conceito vai ganhando fãs (sobretudo na Alta Gastronomia), construindo uma reputação que tanto nos orgulha.

Como em qualquer setor de atividade, muitos são os desafios que se vão colocando ao desenvolvimento das marcas. No seio da “Infusões com História”, quais as maiores lacunas? De que forma as contornam?
Não temos propriamente lacunas, mas sim desafios. Aliás, os desafios são constantes. Queremos muito posicionar as Infusões made in Portugal, respeitando os valores e princípios da marca.  Os desafios também passam por consolidar o trabalho realizando, criando e lançando novas misturas e novos produtos (há muito por fazer).

Como diria que a “Infusões com História” pode ser todos os dias mais criativa e diferenciadora, num mercado que por si só já é tão peculiar?
Ao nos unirmos aos melhores Chefs, Sommeliers e parceiros, sabemos de antemão que a criatividade é constantemente explorada e novos caminhos são construídos diariamente; muito por conta da sazonalidade, da promoção e posicionamento de cada player e pelo nosso cuidado específico em criar harmonizações únicas e irreplicáveis. Não existe um menu que se repete, um sabor que se cruza ou momentos monótonos. Tudo ganha uma intensidade ímpar e a cada dia que passa, as nossas Infusões Premium criam constantemente uma nova História, uma nova experiência.

Por fim, a médio e longo prazo, que novidades podemos esperar desta que é uma marca que em tanto se distingue das restantes?
Há mais de seis meses que a Infusões com História trabalha num outro conceito: Tea Experience – Tea, Eat, Act. Esta é “uma experiência gastronómica com Pairing de Infusões ou um festival inteiro em volta dos rituais, da preparação, dos benefícios, dos locais de origem e das músicas que inspiram”. Em relação às novidades, as possibilidades são infinitas e as atividades diversificadas. Podem esperar, por parte da Infusões com História, a organização de tertúlias, conferências, provas gastronómicas, eventos exclusivos e atividades culturais. A juntar a todas estas surpresas, a marca lança semanalmente a sugestão de uma receita harmonizada com uma Infusão 100% Biológica, numa rubrica intitulada de “Infusões de Comer”. Para além destas receitas surpreendentes, podem ouvir os episódios do nosso Podcast “Infusões que falam”, onde convidados, parceiros e outros intervenientes conversam sobre gastronomia e expõem a sua opinião sobre os nossos produtos Premium.

Partilhar

Revista Digital

Revista Pontos de Vista Edição 116

Popular

Mais Artigos deste tipo

Xiaomi conta com novos acessórios para viagens de trotinete mais seguras e confortáveis

Para garantir uma condução segura e precisa, as Xiaomi...

Braga no top 3 das cidades finalistas candidatas a Capital Europeia da Democracia

Braga é uma das três cidades finalistas candidatas a...

Cerveira: Mercado de Natal promete atividades e animação para todas as idades

Serão cinco dias repletos de atividades e animação para...