Verão 2022: consumo aumenta 22% com recorde de operações com cartões estrangeiros de +37% face ao período pré-pandémico (2019)

O SIBS Analytics, em parceria com o Turismo de Portugal, divulga a infografia “As Férias em Portugal 2022”, na qual é feito um retrato das operações realizadas, este verão (entre 1 de julho e 31 de agosto), período durante o qual se registou um aumento de 22% do consumo total e um recorde do consumo com cartões estrangeiros em Portugal, que aumentou 37% face a 2019 e 71% face ao mesmo período de 2021.

Data:

Avaliando apenas o valor das operações dos cartões portugueses, o crescimento foi de 19% face a 2019. No que se refere apenas ao valor das compras efetuadas em setores tradicionalmente associadas ao turismo – alojamento, restauração, transportes e lazer – registou-se um aumento de 49% comparativamente ao período pré-pandemia e de 54% em relação ao ano passado.

Durante o período em análise na infografia, o MB WAY atingiu os 4,3 milhões de utilizadores únicos, e registou um crescimento significativo do número de operações de compra superior a 80% face ao mesmo período de 2021, e de 7,3x vs período pré-pandemia.

Mais compras de estrangeiros em Portugal

Entre as nacionalidades que mais viajaram para Portugal, os cartões franceses continuam a liderar, representando 27% de todas as operações com cartões estrangeiros. Seguem-se na lista os cartões britânicos, com 12%, e, em terceiro, os espanhóis, com 10%. Figuram ainda entre os principais países os cartões norte-americanos, os alemães e os holandeses, por esta ordem. Porém, entre as nacionalidades que mais cresceram no valor das operações, os cartões norte-americanos destacam-se em primeiro lugar, com um aumento de 3,2x, seguidos dos do Reino Unido e da Alemanha, com um crescimento de 2,2x.

No que se refere aos cartões nacionais no estrangeiro, os dados do SIBS Analytics permitem concluir que o peso do consumo além fronteiras foi superior em Espanha (com um peso de 38%), seguido de França (18%), Itália (7%), Bélgica e Alemanha (ambos com 4%) e Reino Unido (3%), destino que verificou o maior aumento de consumo português no período face a 2021.

Férias no país

Analisando o peso do número de cartões por região do país, destacam-se os distritos de Beja, Évora, Portalegre, Santarém, Castelo Branco e Guarda como os que tiveram maior incidência de cartões em férias em território nacional.

Partilhar

Revista Digital

Revista Pontos de Vista Edição 132

Popular

Mais Artigos deste tipo

Verão na Casa da Música: mais de 70 concertos até setembro

O festival começou ontem, 20 de junho, na praceta...

Lince Ibérico passa de espécie “em risco” para “vulnerável” na lista da UICN

A UICN vai atualizar oficialmente a sua lista de...

MB WAY a preparar o futuro dos pagamentos europeus

O MB WAY tem, a partir de hoje, um...