“Ser Contabilista Certificada é motivo de Honra e Orgulho”

Presente no 7º Congresso dos Contabilistas Certificados esteve Ângela Silva, Contabilista Certificada e Gerente da empresa Gabinete de Contabilidade – Domingos Salvador, uma marca que soma 46 anos de existência e credibilidade no mercado. “Triunfante”, foi a palavra escolhida pela nossa entrevistada para caracterizar este que é um evento de imensa importância para todos os profissionais da área.

Data:

É através do esforço constante nas tarefas do dia a dia que a Domingos Salvador – Gestão, Contabilidade & Consultoria consegue superar-se e distinguir-se no mercado. Tendo sido fundada há 46 anos, como descreve a sinergia de elementos fundamentais que levaram a marca ao reconhecimento?
A marca, Domingos Salvador, foi sendo construída, manifestada e ganhando força e reconhecimento no mercado ao longo dos seus atuais 46 anos de existência pela sinergia de vários elementos. O profissionalismo, o rigor e a competência fazem parte da sua essência, associados ao destaque de uma prestação de serviços com qualidade, permitindo que a marca, Domingos Salvador, se posicionasse no mercado pela confiança que os nossos clientes depositaram e continuam a depositar em nós. Isso é elemento fundamental e um fator de credibilidade para o mercado. Somos um parceiro de confiança e de zelo para os nossos clientes, onde fazemos por caminhar juntos na direção do rumo certo.

A Domingos Salvador preza, desde sempre, por manter um serviço personalizado, conhecendo a realidade intrínseca dos seus clientes. Assim, qual tem vindo a ser o importante papel dos profissionais da empresa, na vida e sucesso das empresas?
O papel dos profissionais da empresa é manter os padrões de profissionalismo, rigor e qualidade que nos caracterizam. Para além do apoio nos fatores emocionais e sociais que tem vindo a estabilizar, fruto das tréguas da estabilização da pandemia, a Domingos Salvador aposta na valorização contínua e especializada. Conhecer a realidade de cada um dos nossos clientes é também um fator de sinergia, pois só através dessa cooperação entre as partes é que a nossa equipa de profissionais consegue dar uma resposta adequada às necessidades de cada empresário e de cada empresa. É, também, muito importante a cooperação entre uma equipa de profissionais que, no dia a dia, trabalham com o cuidado em manter os padrões que distinguem a marca da Domingos Salvador.

A par disso, um fator que destaca a Domingos Salvador é a formação contínua e a especialização dos vários departamentos que integram a organização. De que forma esta ação permanente se traduz em vantagem competitiva?
Sim, a Domingos Salvador valoriza a formação contínua e personalizada da sua equipa. Esta especialização é fundamental e proporciona uma resposta rápida, eficiente e eficaz nas questões e especificidades de cada um dos nossos clientes. A especialização pelos vários departamentos que integram a Domingos Salvador, sejam eles o departamento fiscal, o departamento de recursos humanos, o departamento de gestão e análise e os referentes às diversas áreas de contabilidade, tornam-nos mais fortes na capacidade de resposta, particularmente na rapidez, face às solicitações da nossa carteira de clientes.

A Ordem dos Contabilistas Certificados (OCC) organizou, entre os dias 21 e 23 de setembro, na Altice Arena, em Lisboa, o 7.º Congresso dos Contabilistas Certificados. Na sua perspetiva, em que medida este acontecimento demonstrou ser ímpar e indispensável?
Eu sou apaixonada por esta profissão e tenho um enorme orgulho em pertencer a esta classe de profissionais, a classe dos Contabilistas Certificados. Mas, tenho, também, uma enorme consideração pela equipa que integra a Ordem dos Contabilistas Certificados que tem vindo a trabalhar pela dignificação e elevação da nossa classe profissional. Com efeito, somos cada vez mais um profissional reconhecido pelo tecido empresarial, que nos procura não só pela obrigatoriedade, mas, como um parceiro fundamental para fornecer informação financeira e não financeira, contribuindo e ajudando no processo das diversas tomadas de decisão. Neste sentido, mais uma vez a Ordem dos Contabilistas Certificados presenteou os seus membros com a organização de um fantástico Congresso, o 7.º Congresso dos Contabilistas Certificados. Quanto às vossas palavras, ímpar e indispensável, na minha perspetiva foi ímpar, pelo excelente congresso que tive a oportunidade de participar e indispensável, pela importância de nos reunirmos para debater um tema da atualidade com um impacto no nosso trabalho atual e, principalmente, num futuro próximo. Contudo, para mim, e depois de muito refletir… a palavra que define este 7.º congresso é TRIUNFANTE!

A sustentabilidade e o relato não financeiro, a par da responsabilidade empresarial, do empreendedorismo social, da economia sustentável ou das métricas e índices contabilísticos, foram algumas das principais linhas de força deste sétimo congresso. Qual a importância destes temas no panorama atual do setor?
No meu entender a Ordem dos Contabilistas Certificados procurou antecipar questões, da atualidade, que terão um enorme impacto no futuro. Fez-nos refletir e reforçar a importância dos nossos atos no dia a dia, bem como na adoção de praticas internas, sensibilizando os Contabilistas Certificados a ser um modelo na aplicação de medidas como sejam o caso das ESG (Environmental, Social and Governance), incutindo-nos a responsabilidade de sensibilizar os nossos empresários e, consequentemente, o nosso tecido empresarial. Ou seja, para além do relato financeiro, as variáveis ESG que integram a questão ambiental, social e governança, ganham relevância na importância e no relato não financeiro.

Para além dos temas abordados no Congresso, este Congresso iniciou no Dia Nacional do Contabilista, com a celebração dos 25 anos de profissão, atribuindo uma medalha aos membros com, pelo menos, 25 anos de inscrição na ordem. Em que medida este acontecimento teve impacto na Domingos Salvador?
Com 46 anos de existência, a Domingos Salvador teve naturalmente este reconhecimento, através da entrega de uma medalha de 25 anos de profissão ao seu fundador, Domingos Salvador da Silva. Gostaria de aproveitar esta oportunidade para parabenizar o meu pai pelo seu trabalho e dedicação ao longo destes anos. Dele herdei o gosto e a paixão pela contabilidade e, para além do orgulho que tenho nele e na minha profissão de Contabilista Certificada, agradeço a oportunidade que os meus pais me deram na sucessão desta empresa, juntamente com o meu irmão, Bruno Silva, na qual caminhamos juntos para manter a essência daquilo que nos define e caracteriza: Profissionalismo, Rigor, Competência e Qualidade, para além de muita responsabilidade e trabalho, naturalmente. Aproveito, também, para enviar uma palavra de apreço e agradecimento à nossa colaboradora, Teresa Moreira, pela celebração dos seus 25 anos de profissão, juntamente com 25 anos de dedicação à Domingos Salvador. Isto, sim, é reter talento.

21 de setembro é um dia significativo no setor, uma vez que se assinala o Dia Nacional do Contabilista. Considera que hoje, a ideia de que a união, qualificação, conhecimento e excelência é a base desta profissão? O que urge aprimorar?
Ser Contabilista Certificada é motivo de honra e orgulho e ser detentora de uma profissão com elevados conhecimentos em diversas áreas que se assumem numa enorme responsabilidade no apoio à gestão dos empresários e consequentemente à economia do nosso país. Esta foi a frase que transmiti na celebração do dia 21 de setembro. Mas, sem dúvida, a união, qualificação, conhecimento e excelência são pilares fundamentais para o desempenho da nossa profissão. O que urge aprimorar é a valorização profissional e individual de cada Contabilista Certificado. Somos cada vez mais uma profissão reconhecida e de interesse público e, isso, acarreta uma responsabilidade em elevar cada vez mais a nossa profissão pela aplicação de boas práticas contabilísticas e empresariais.

O desempenho superior e a prossecução de estratégia de crescimento contínuo e de liderança competitiva têm vindo a ser reconhecidos no seio da Domingos Salvador. De forma a manter ou elevar esta verificação, que novidades podemos esperar no futuro da empresa?
Podemos sempre esperar a continuidade do sentido de responsabilidade em manter o foco em cada um dos nossos clientes. Apostar na formação para acrescentar valor e manter elevados padrões de conhecimento. Apesar do reconhecimento da Domingos Salvador, não podemos parar e devemos continuar na procura incessante da melhoria constante. Isso, sim, é qualidade! Parafraseando o nosso Excelentíssimo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa no discurso de encerramento do 7.º Congresso dos Contabilistas Certificados: “Um Portugal melhor passa pelo vosso futuro.”. Assim, o sentido de responsabilidade passa também pela Domingos Salvador.

Partilhar

Revista Digital

Revista Pontos de Vista Edição 116

Popular

Mais Artigos deste tipo

Xiaomi conta com novos acessórios para viagens de trotinete mais seguras e confortáveis

Para garantir uma condução segura e precisa, as Xiaomi...

Braga no top 3 das cidades finalistas candidatas a Capital Europeia da Democracia

Braga é uma das três cidades finalistas candidatas a...

Cerveira: Mercado de Natal promete atividades e animação para todas as idades

Serão cinco dias repletos de atividades e animação para...