Continente estreia-se na venda de roupa em segunda mão

Consciente do impacto que a indústria têxtil tem no planeta, o Continente criou o [RE]Style: um projeto que tem como foco a venda de roupa em segunda mão.

Data:

A iniciativa da retalhista reflete a maior preocupação dos consumidores com a sustentabilidade na moda. Assim, o alargamento do mercado de vestuário em segunda mão tem por objetivo promover a economia circular e prolongar a vida útil da roupa.

“Enquanto retalhista líder, sabemos que é nosso dever encontrar e implementar medidas que procurem minimizar o impacto da nossa atividade e que contribuam para o desenvolvimento sustentável. Este projeto visa dar uma nova vida à roupa em segunda mão e permite aos nossos clientes adquirirem artigos de marcas de moda conceituadas, com toda a confiança e por valores bastante apelativos”, afirma Graça Fernandes, a responsável pela área têxtil na Sonae MC, em comunicado.

Este projeto-piloto está a decorrer no Continente GaiaShopping, em Vila Nova de Gaia, e no Continente Colombo, em Lisboa, mas o plano de expansão para mais lojas ocorrerá ao longo de 2023.

Partilhar

Revista Digital

Revista Pontos de Vista Edição 116

Popular

Mais Artigos deste tipo

Nível de polarização na Ibero-América cresceu quase 40% nos últimos cinco anos

O nível de polarização na Ibero-América cresceu quase 40%...

S21sec prevê um aumento de 15% dos ataques de ransomware face a 2021

No contexto do Dia Mundial da Cibersegurança, que se...

IMT vai lembrar os condutores para renovarem a carta de condução

O instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) referiu,...