Repsol torna-se acionista da Acteco e reforça compromisso com economia circular

A Repsol dá mais um passo no seu compromisso estratégico com a economia circular, tornando-se acionista de referência da empresa espanhola Acteco, especializada na recolha, gestão, reciclagem e recuperação de resíduos em Espanha, após ter adquirido uma participação de 27%.

Data:

Com esta operação, a Repsol assegura o seu acesso a resíduos plásticos de qualidade para continuar a desenvolver ferramentas de economia circular que colocam novos materiais sustentáveis no mercado pertencentes à gama Repsol Reciclex® e satisfazendo, assim, a procura crescente e o seu compromisso de sustentabilidade assumidos com os seus Clientes.

Com a entrada da Repsol, a Acteco duplicará a sua capacidade de reciclagem de plástico no prazo de cinco anos.

A economia circular é um dos principais eixos de transformação da Repsol para atingir emissões líquidas zero até 2050. Neste processo, a empresa tem vindo a desenvolver os seus complexos industriais, de modo a fabricar  produtos essenciais para a sociedade, com uma pegada de carbono baixa ou nula. Alguns exemplos são o fabrico de combustíveis renováveis a partir de resíduos ou a produção de polímeros 100% circulares.

A Repsol e a Acteco têm colaborado desde 2018 para promover novos modelos de economia circular, através da recuperação de polímeros após a sua vida útil e a sua reincorporação em novos produtos de alto valor acrescentado em setores como o automóvel, saúde, construção, e infraestruturas ou embalagens. Além disso, em 2020, a Repsol e a Acteco lançaram um projeto conjunto para aumentar a capacidade da fábrica de produção de material reciclado que a Acteco possui em Ibi, Alicante (Espanha).

Segundo Jaime Martín Juez, diretor executivo de Refinação e Química da Repsol: “Este novo passo na colaboração entre as duas empresas representa um impulso essencial para alcançar o objetivo da Repsol de reciclar o equivalente a 20% da sua produção de poliolefinas até 2030”.

Juan Manuel Erum e Jorge Ramis, sócios fundadores da Acteco, declararam: “Temos o prazer de acolher a Repsol como parceiro e como membro do Conselho de Administração da nossa empresa. A Repsol é um fornecedor global de multienergia que contribuirá para acelerar a nossa atividade com novos materiais e novos mercados.  Além disso, o investimento da Repsol no capital social da Acteco reforça a nossa posição como líderes no setor da reciclagem de plásticos e na construção de uma economia circular”.

Partilhar

Revista Digital

Revista Pontos de Vista Edição 131

Popular

Mais Artigos deste tipo

Feira do Livro de Lisboa terá atingido mais de um milhão de visitantes

O Presidente da Associação Portuguesa de Editores e Livreiros...

Rock in Rio Lisboa emite um comunicado

A organização do evento lamenta o excesso de rigor...

Diogo Costa entra em campo com BMcar

A BMcar tem o prazer de anunciar que Diogo...

O Xiaomi Pad 6S Pro 12.4 chega às lojas portuguesas

Um ecrã emblemático para uma produtividade aprimorada O Xiaomi Pad...