Central de Digestão de Anaeróbia completou 10 anos

A TRATOLIXO, empresa intermunicipal certificada para o tratamento de resíduos urbanos, informa que no passado dia 15 de novembro a Central de Digestão Anaeróbia (CDA) completou 10 anos de produção de energia elétrica, que se mantém a ser injetada na rede elétrica nacional de forma quase ininterrupta até à data.

231

São 10 anos de operação da maior unidade de digestão anaeróbia do país, que foi concebida para a receção e tratamento dos biorresíduos (restos de comida) do sistema da AMTRES, composto pelos Concelhos de Cascais, Oeiras, Mafra e Sintra. Os atrasos na implementação de uma estratégia nacional de recolha seletiva de biorresíduos, no que à gestão de resíduos urbanos diz respeito, levaram a que a CDA tivesse que ser adaptada de forma a tratar biorresíduos provenientes de recolha indiferenciada.

Apesar da dificuldade deste desafio, a TRATOLIXO tem conseguido operar com sucesso esta instalação, que é uma referência a nível nacional, sendo ainda visitada por delegações técnicas de várias partes do mundo, demonstrando sempre, enorme apreço pela qualidade do trabalho ali realizado.

Nestes 10 anos, na operação da CDA foram recebidas e tratadas cerca de 900 mil toneladas de resíduos, que permitiram produzir mais de 195 GWh de energia elétrica a partir do biogás gerado no seu processo. Como subprodutos, foram ainda produzidas mais de 90 mil toneladas de composto, aplicadas na correção de solos na agricultura e mais de 3 600 toneladas de produtos recicláveis, encaminhados para valorização.

Com a estratégia de recolha seletiva de biorresíduos agora a ser implementada a nível nacional, onde mais uma vez a TRATOLIXO e os seus 4 municípios se destacam com o projeto inovador da recolha através de sacos óticos (sacos verdes colocados no contentor indiferenciado e separados por equipamentos óticos no novo Tratamento Mecânico de Trajouce), a CDA sofrerá obras de ampliação de forma a estar preparada para os desafios vindouros, num investimento de cerca de 3,2 Milhões de euros.

Resta dar os parabéns a todos aqueles que ao longo deste tempo contribuíram para o funcionamento desta unidade.

Sobre a TRATOLIXO

A TRATOLIXO é uma empresa intermunicipal de capitais integralmente públicos, detida em 100% pela Associação de Municípios de Cascais, Mafra, Oeiras e Sintra para o Tratamento de Resíduos Urbanos.

Criada em 1989, a TRATOLIXO abrange uma área geográfica de 753 Km², presta serviço a uma população de cerca de 860.000 habitantes, o que constitui 8,3% do total nacional em termos populacionais, sendo o terceiro maior Sistema, em termos de produção de resíduos.

Fruto de um trabalho rigoroso e eficiente, resultam produtos recicláveis diversos – que são encaminhados para valorização – energia elétrica e composto.