ANA vai financiar isolamento de 22 edifícios em Lisboa e Loures

A ANA – Aeroportos de Portugal vai avançar com o financiamento para isolar fachadas de 22 edifícios especialmente sensíveis dos concelhos de Lisboa e Loures, entre escolas e hospitais, para diminuir os impactos do ruído dos aviões.

Data:

Embora o objetivo seja o isolamento das fachadas de edifícios sensíveis, a ANA defende, contudo, que o financiamento desta medida de mitigação do ruído dos aviões nas populações afetadas deve respeitar o princípio do poluidor-pagador, ou seja, através da aplicação de uma taxa às companhias aéreas ou a afetação de verbas da Taxa Ambiental.

Assim, este ano, a ANA vai avançar com o financiamento do isolamento de 22 edifícios especialmente sensíveis, nos concelhos de Lisboa e Loures, abrangendo duas escolas, duas creches, 11 unidades do Centro Hospitalar Psiquiátrico de Lisboa, dois edifícios do ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa, um pavilhão da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa, uma academia de estudos, dois edifícios de saúde e um Centro de Apoio à Juventude.

Partilhar

Revista Digital

Revista Pontos de Vista Edição 117

Popular

Mais Artigos deste tipo

Sete em cada dez empresas tem perspetivas de crescimento e maioria quer recrutar mais em 2023

Os objetivos de crescimento, de acordo com o estudo,...

“Na Rota do Tráfico com Mariana Van Zeller” regressa ao National Geographic com 3ª temporada

“Na Rota do Tráfico com Mariana Van Zeller” regressa...

A Feira “Sabores de Chaves” regressa de 17 a 19 de fevereiro com 60 expositores

"Sabores de Chaves" regressa à cidade flaviense de 17...