El Corte Inglés distinguido, pela segunda vez, com Menção de Excelência – Marca Entidade Empregadora Inclusiva

El Corte Inglés foi a primeira entidade privada a receber o galardão de Marca Entidade Empregadora Inclusiva, em 2017.

Data:

O El Corte Inglés foi distinguido pelo IEFP, pelo trabalho desenvolvido em matéria de inclusão, com o galardão Marca Entidade Empregadora Inclusiva, pela quarta vez consecutiva. A empresa recebeu novamente, nesta edição de 2023, uma Menção de Excelência.

Esta foi a segunda vez que o El Corte Inglés recebeu a Menção de Excelência no âmbito deste selo. Já em 2017, foi a primeira empresa do setor privado a receber este reconhecimento.

No El Corte Inglés, as boas práticas de gestão de pessoal e de formação, a promoção da diversidade e inclusão são permanentemente valorizadas, pelo que esta distinção foi recebida com grande orgulho. O Selo Marca Entidade Empregadora Inclusiva reflete o trabalho que tem sido desenvolvido ao longo de vários anos pelos departamentos de Gestão de Pessoas e de Responsabilidade Social Corporativa.

Atualmente, dos mais de três mil trabalhadores que a empresa tem em Portugal, 2,8% possuem deficiência e/ou um grau de incapacidade igual ou superior a 60%.

Para Susana Silva, Diretora de Pessoas do El Corte Inglés, “esta distinção pública é um motivo de grande orgulho para nós e para as nossas equipas. É o reconhecimento de que o que fazemos tem impacto na vida das pessoas que trabalham connosco e de que contribuímos para a sociedade onde estamos inseridos. A inclusão está no ADN do El Corte Inglés, desde a sua fundação, e vai muito além da contratação ou da adaptação do posto de trabalho. Há um investimento contínuo, por parte da empresa, ao nível do desenvolvimento profissional e crescimento pessoal de cada colaborador”.

A iniciativa do IEFP – Instituto de Emprego e Formação Profissional promove o reconhecimento e a distinção pública de entidades empregadoras que mereçam destaque nas ações desenvolvidas relativamente às pessoas com deficiência e incapacidade. O júri é formado por representantes das associações empresariais, sindicais, organizações da economia social, entidades que apoiam pessoas com deficiência e da administração pública.

Partilhar

Revista Digital

Revista Pontos de Vista Edição 131

Popular

Mais Artigos deste tipo

CARRIS e SIBS disponibilizam pagamento com MB WAY

A partir de hoje, viajar na CARRIS é ainda...

Workshop “Plano Nacional de Prospeção no âmbito do CRM Act”

No âmbito da recente aprovação, pela Comissão Europeia, do...

Setor da aviação considerado um dos mais atrativos para trabalhar em Portugal

A Randstad lançou mais uma edição do estudo Randstad...