• next generation event
Inicio Autores Posts por Ana Rita Silva

Ana Rita Silva

4277 POSTS 0 COMENTÁRIOS

Arquivo Portos de Lisboa, Setúbal e Sesimbra presente na Exposição “A Cidade dos Arquivos”

O evento que visa a divulgação dos acervos destes arquivos, conta com a presença do Arquivo dos Portos de Lisboa, Setúbal e Sesimbra, através da divulgação de diferentes documentos pertencentes ao seu espólio, sobre entidades e figuras ligadas ao desenvolvimento económico e urbano do Barreiro, mostrando, assim, a estreita ligação do concelho do Barreiro ao rio e às atividades portuárias.

Durante os 5 dias da exposição os visitantes poderão ainda participar em visitas orientadas aos diversos arquivos. Hoje decorrerão, das 14h00 às 19h00, as visitas ao Arquivo dos Portos de Lisboa, Setúbal e Sesimbra.

 

Défice de Vitamina D reconhecido como uma realidade moderna

No âmbito da participação do Dr. Viriato Horta – Médico de Medicina Geral e Familiar – num evento de formação para profissionais de saúde, onde será abordada a temática “A Insuficiência de Vitamina D em Portugal e o papel do farmacêutico, o especialista explica:

“A vitamina D tem vindo a ganhar importância ao longo do tempo. Primitivamente achávamos que a vitamina D só era importante para a saúde do osso e depois veio-se a verificar que é muito importante para a regulação de várias hormonas e para o bom funcionamento do aparelho cardiovascular, do cérebro e do sistema imunitário. Deste modo a vitamina D saiu do campo restrito da reumatologia e é hoje usada em muitas especialidades médicas.”

Esta utilização de vitamina D é obrigatória em todos os bebés durante o primeiro ano de vida, de acordo com recomendações nacionais e internacionais. As recomendações internacionais alargam-se a todas as crianças até aos 18 anos que pertençam a grupos de risco, nomeadamente com obesidade, pele escura ou com indevida exposição solar (sem actividade ao ar livre, por exemplo).

Na idade adulta, pessoas acima dos 65 anos são o principal grupo alvo das recomendações da maioria das especialidades médicas, mas, uma vez mais, os grupos de risco requerem especial atenção. Nas recomendações de suplementação para os adultos, a osteoporose é a doença que requer de forma genérica mais indicações por parte dos especialistas.

A importância da vitamina D para as várias funções fisiológicas tem vindo a  reunir cada vez mais consenso entre os vários profissionais de saúde que reforçam que parece ser cada vez mais relevante o alargamento de suplementação com vitamina D em toda a população.

 

Allianz Algarve Pro regressa este fim-de-semana

Passados 5 anos desde que a competição rumou ao Sul de Portugal, o Allianz Algarve Pro será a etapa de todas as decisões do Allianz Triple Crown, troféu que atribuirá 6 mil euros ao vencedor masculino e feminino no conjunto das provas patrocinadas pela Allianz.

A competição tem 4 surfistas empatados na liderança, Miguel Blanco (campeão nacional em título) e Vasco Ribeiro (treta-campeão nacional em 2011, 2012, 2014 e 2017), Yolanda Sequeira (Vice-campeã nacional em título) e Teresa Bonvalot (Bi-campeã nacional em 2014 e 2015).

“O Allianz Algarve Pro, a terceira etapa a contar para o troféu Allianz Triple Crown, vai ser, certamente, um fim-de-semana cheio de muita energia e emoção, visto que se trata da última etapa. Esta é também a terceira prova com o naming Allianz e o nosso apoio ao Surf português permite-nos, não só, contribuir para o crescimento da modalidade, como transmitirmos emoções e características que de outra forma não conseguiríamos passar. Não temos dúvida que foi uma aposta de sucesso e hoje podemos afirmar com orgulho que a Allianz tem já o ADN do Surf bem presente na sua marca. Temos a certeza que o Allianz Algarve Pro vai ter grandes momentos de adrenalina que vão fazer vibrar o público presente”, refere José Francisco Neves, Membro de Comité de Direção e Diretor Coordenador de Market Management da Allianz Portugal.

Para assinalar a presença na terceira prova com naming Allianz, a Seguradora irá contar com diversas ações de presença de marca junto do público. A principal novidade será a colocação de chapéus de sol na praia.

Portugal debate os novos caminhos para tratar doença rara que pode provocar cegueira

“A doença de LHON é uma doença hereditária mitocondrial, que causa perda bilateral da visão central”, refere a especialista, que acrescenta tratar-se de uma doença associada, em 75% dos casos, a “uma mutação pontual no gene ND4 mitocondrial”, que torna a maioria das pessoas envolvidas “legalmente cegas”, sendo as opções de tratamento “limitadas”.

Atualmente existe um medicamento, o único aprovado pela Agência Europeia do Medicamento para tratar a doença e com provas dadas de eficácia na luta contra a cegueira, ainda que o atraso no diagnóstico seja uma realidade, para a qual alertou recentemente um grupo de especialistas mundiais, num documento onde se definiram as guidelines e critérios para a gestão clínica e terapêutica da LHON. Por isso, segundo Catherine Vignal-Clermont, “devido ao início súbito da doença e ao facto de o olho ser considerado imuno-privilegiado, a terapia genética intravítrea é uma opção terapêutica promissora”.

É por este caminho que tem trilhado a ciência, com estudos pré-clínicos que acabaram por dar origem a vários ensaios clínicos, alguns já concluídos e com resultados publicados. Resultados que são, segundo a especialista, “encorajadores, indicando um benefício visual funcional numa proporção de olhos tratados”.

São, no entanto, tratamentos ainda experimentais, sem aprovação pelo que, considera Catherine Vignal-Clermont, poderá ser vantajoso para os doentes uma sinergia entre este tipo de terapêutica e aquela que está atualmente aprovada.

MATRICS: Nova marca de gaming portuguesa chega ao mercado

O processo que origina os produtos MATRICS começa sempre pelos gamers. A marca consulta jogadores portugueses para compreender as especificações e características que lhes são mais relevantes, sendo esta a base da conceptualização de cada artigo. Os produtos, fabricados na Ásia, têm um controlo de qualidade feito por equipa especializada, localizada em Portugal, onde se processam as fases de design, conceção, especificação, testes e validação do protótipo desenvolvido.

A MATRICS é uma marca de gaming detida pela Interplay Lda., uma empresa de referência na área da eletrónica de consumo. O objetivo da marca é, numa fase inicial, focar-se nos gamers nacionais e fortalecer-se no mercado português, colocando-o ao mesmo ritmo de outros países que já estão mais desenvolvidos no setor. Na fase inicial, os produtos estarão à venda em vários retalhistas de referência, como a MediaMarkt, PCDIGA e a Meo.

50 milhões de clicks com a MATRICS

Os gamers portugueses vão agora poder reclinar-se a 180º graus numa confortável cadeira de pele com elevador classe 4 e braços ajustáveis em quatro sentidos, a Throne. Desta forma, podem aproveitar os seus videojogos e desportos eletrónicos de eleição com apenas 1 microssegundo de tempo de resposta, no Gaming Stand, o monitor flat de 24 polegadas da MATRICS. Podem prever, pelo menos, 50 milhões de clicks em complemento ao Phantom, um teclado mecânico com switch ótico que representa o futuro deste produto periférico. Estes são alguns artigos de destaque do vasto portefólio da marca.

Em Portugal, o mercado do gaming valia, em 2018, cerca de 265 milhões de euros, segundo estimativas do Newzoo. A realização em Lisboa do BLAST Pro Series 2018, o torneio internacional de Counter-Strike, demonstra como Portugal está a ganhar reconhecimento internacional nesta área. O Girl Gamer eSports Festival foi outro evento internacional, direcionado às participantes femininas, que se realizou em Lisboa em 2018. Eventos nacionais como o Moche XL eSports estão também a proliferar e a diversificar-se, revelando o potencial de um mercado que, segundo várias fontes, já vale mais do que as indústrias de vídeo e música juntas.

Huawei celebra 46 contratos comerciais para a implementação do 5G em todo o mundo

A Huawei já celebrou 46 contratos comerciais de 5G com operadores de todo o mundo e implementou mais de 100.000 estações base 5G. Assim, a empresa posiciona-se como o primeiro fornecedor de redes 5G, com presença em mais de 170 países.

A empresa tem vindo, nos últimos anos, a contribuir para o fortalecimento do papel da Europa na implementação desta nova tecnologia. Nesse sentido, a empresa tecnológica organizou, no passado dia 21 de maio no Centro de Cibersegurança de Bruxelas, uma sessão de apresentação do plano de colaboração com as instituições europeias, onde mostrou como o 5G pode contribuir para o progresso do continente europeu. Abraham Liu, Vice-Presidente da Huawei para a Europa, realçou que a região deve encontrar uma forma de combinar os seus valores com as novas tecnologias que irão revolucionar a nossa forma de viver.

Segundo Liu, “no próximo ano, iremos observar a implementação de uma nova geração de redes de comunicações móveis 5G, que têm um grande potencial para mudar as nossas vidas para melhor. Espera-se que, em 2025, os ganhos provenientes do 5G em todo o mundo cheguem a 225.000 milhões de euros”. O Vice-Presidente da Huawei para a Europa afirmou ainda que “as pessoas não só estarão ligadas à Internet, como terão acesso a muito mais coisas. A chamada IoT (Internet of Things) assistirá a uma explosão de comunicações entre dispositivos, bem como entre estes e as pessoas. Cerca de 100 milhões de dispositivos estarão conectados em 2024 e os benefícios da introdução do 5G em áreas como o setor automóvel, saúde, transportes ou energia, podem chegar aos 114.000 milhões de euros ao ano”.

Exemplos do compromisso financeiro da Huawei com a Europa são os casos do Reino Unido ou França. No Reino Unido, segundo um estudo independente da consultora Oxford Economics, a empresa contribuiu para a criação de 26.000 postos de trabalho diretos e indiretos. Em 2012, a Huawei anunciou um investimento de 1.300 milhões de libras no Reino Unido durante cinco anos. Passados esses cinco anos, a empresa superou esse valor em quase 900 milhões de libras, tendo dispendido 200.000 milhões de libras em investimentos e aquisições durante esse período. Em 2018, a empresa adquiriu mais de 900 milhões de libras em bens e serviços de empresas no Reino Unido, o que representa 30% do seu objetivo – a Huawei prometeu um investimento de 3.000 milhões de libras em fornecedores britânicos entre 2018 e 2022. Em 2018, a empresa investiu também 112 milhões de libras em Investigação e Desenvolvimento (I&D), empregando mais de 300 investigadores no Reino Unido e colaborando com 35 universidades e institutos de investigação.

Já em França, a Huawei abriu o seu OpenLab em abril de 2018, uma plataforma para que especialistas de diversas indústrias possam identificar as suas futuras necessidades na transformação digital e desenvolver soluções para a indústria. Em apenas um ano, 50 parceiros trabalharam em 15 soluções que abrangem o retalho, a produção e as cidades inteligentes. A empresa anunciou que investirá 35 milhões de euros no OpenLab de Paris durante os próximos cinco anos, procurando construir um ecossistema digital mais sólido no país. Segundo Ken Hu, Deputy Chairman da Huawei, “este é o melhor momento para a inovação. França tem uma enorme capacidade de investigação. Além disso, tem muito talento e um ambiente propício à inovação. É um país muito bem posicionado para ser um centro global nestes temas. Por isso a Huawei está presente neste mercado há 17 anos”.

ALD adquire o portfólio do BBVA Automarcantil em Portugal e avança para um acordo de distribuição

Esta operação será finalizada após a aprovação da Autoridade da Concorrência Portuguesa.

O BBVA é um banco líder em Consumer Finance em Portugal, onde opera com uma rede de 14 agências, fornecendo uma gama completa de produtos e serviços financeiros e não financeiros. Este acordo vem reforçar um primeiro acordo de aquisição e distribuição firmado com o BBVA em Espanha em 2017.

Uma aquisição que faz parte da estratégia de desenvolvimento da ALD e é um exemplo do foco da empresa para aquisições direcionadas e de valor agregado.

Esta transação vem fortalecer a presença da ALD Automotive em Portugal, enquanto expande o alcance comercial da sua oferta num mercado crescente e importante. O objetivo da ALD é criar valor para os seus parceiros e clientes através de uma ampla gama de serviços incluídos na oferta de Renting.

No final de março de 2019, a frota total da ALD representava 1,68 milhões de veículos geridos em todo o mundo, incluindo 21.000 veículos em Portugal.

Para Mike Masterson, CEO da ALD: “Nos últimos anos, o BBVA tornou-se um parceiro próximo da ALD. Esta transação reforça a nossa posição no segmento de Aluguer Operacional de Veículos, ao mesmo tempo que consolida o nosso relacionamento com o BBVA. Este é um exemplo da nossa capacidade em construir parcerias duradouras e de longo prazo, com os principais bancos europeus”.

Ponte Móvel de Leixões fechada ao trânsito: APDL assegura o transporte de transeuntes

Para minimizar os transtornos causados, a Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL) assegura gratuitamente o transporte de transeuntes entre Matosinhos e Leça da Palmeira. Já o trânsito automóvel está a ser direcionado para o viaduto da A28.

O transporte entre as margens está a ser assegurado por autocarros fretados pela APDL para o efeito, que vão funcionar durante 24 horas, de 10 em 10 minutos durante o dia (das 7h00 às 22h00) e de 20 em 20 minutos durante a noite (das 22h00 às 7h00). As paragens situam-se, em Matosinhos, no acesso nascente à Ponte Móvel (junto à paragem da Resende) e, em Leça da Palmeira, por baixo da Ponte (junto à paragem dos STCP).

A APDL pede a melhor compreensão pelos inevitáveis transtornos causados por esta avaria e prevê estar em condições de anunciar na próxima segunda-feira, 17 de junho, informação mais concreta sobre o tempo previsto de interrupção do trânsito na Ponte Móvel.

Apresentação do livro “IMPACTO” de Norberto Amaral

A capacidade de falar em público com competência e impacto tem um peso importante no sucesso pessoal e profissional. No entanto, nem sempre as apresentações correspondem às expetativas e conseguem envolver as audiências.

Destacando os principais ingredientes para uma apresentação de sucesso, neste livro o autor explica como comunicar melhor, como definir melhor os objetivos, como estruturar e articular ideias, criar impacto visual através de slides atraentes, determinar os sentimentos centrais da apresentação, encontrar as atitudes certas a adotar e a comportar-se em palco.

Norberto Amaral é managing partner na Cultiv – empresa de consultoria de comunicação, criatividade, inovação e organização de eventos – onde lidera workshops de formação, consultoria e coaching individual sobre comunicação em público.

É membro organizador do TEDxPorto, o maior evento TEDx em Portugal e um dos maiores do mundo, trazendo a um palco da cidade algumas das melhores ideias da comunidade e de todo o mundo.

 

 

DS Smith Displays premiada nos PAPIES 2019

O equipamento premiado, na categoria de displays para ponto de venda, foi uma ilha em cartão, constituída por uma estrutura modular, que tem integradas cordas reais como elemento diferenciador. Esta solução de grande visibilidade e atratividade, desenvolvida estruturalmente para a Unilever FIMA, proporcionou assim um grande destaque à marca Tresemmé.

Com o objetivo de criar expositores para o ponto de venda diferenciadores, que auxiliam as marcas nas suas campanhas de promoção, as equipas da DS Smith trabalham lado a lado com os seus clientes, na conceção de projetos inovadores e de elevado impacto. “O display premiado nesta edição dos Papies é um claro exemplo dos excelentes resultados que se podem obter ao desenvolver-se uma solução em estreita colaboração com o cliente”, referiu Joana Gonçalves, Marketing Manager da DS Smith Packaging Portugal. “Para além de transmitir a mensagem da marca com eficiência e cumprir com os requisitos de sustentabilidade, a nossa vasta oferta de displays em cartão proporciona uma elevada visibilidade ao produto exposto e um aumento das vendas para todos aqueles que confiam em nós.”

A Revista doPapel organiza todos os anos os prémios Papies, com o intuito de reconhecer os melhores trabalhos da área de comunicação gráfica em Portugal. Com 28 anos de uma consolidada trajetória, estes prémios reúnem anualmente centenas de profissionais das mais variadas indústrias ligadas à comunicação gráfica e embalagem.

EMPRESAS