Inicio Tags Avião

Tag: Avião

Itália. Avião de carga ultrapassa pista do aeroporto e invade estrada

Um avião de carga, ao serviço da transportadora DHL, despenhou-se contra uma estrada em Itália, devido ao mau tempo na região. O avião preparava-se para aterrar no aeroporto internacional Orio al Serio, em Bergamo, quando o mau tempo fez com que o aparelho continuasse pela pista e invadisse a estrada nacional 591.

 

O avião, um Boeing 737-400, acabou por ficar danificado, mas não se registaram feridos. Toda a tripulação foi retirada da aeronave em segurança.

Um vídeo divulgado pelo jornal italiano Corriere della Sera mostra os destroços no local do acidente:

 

O avião tinha aterrado pouco depois das 4h da manhã, vindo do aeroporto Charles De Gaulle, em Paris.

O aeroporto esteve encerrado até às 6h47, e vários voos foram desviados para o aeroporto de Milão. A Agência Nacional para a Aviação Civil, autoridade reguladora da atividade aérea italiana, está ainda a investigar mais detalhes sobre o acidente.

Apesar de o aeroporto já estar reaberto, a estrada que foi invadida pelo avião continua interrompida para limpeza.

Ver imagem no Twitter

Trem não saiu e avião aterrou “de barriga” no Dubai

Três minutos antes de aterrar no aeroporto internacional do Dubai, esta manhã, o comandante de um avião da Emirates Airlines, proveniente da Índia, avisou os 282 passageiros de que o trem de aterragem não estava operacional e que se via forçado a fazer uma aterragem de emergência, “de barriga”.

A informação foi prestada por um dos passageiros, citado por Iype Vallikadan, jornalista do indiano “Mathrubhumi News”.

Pouco tempo depois de se ter feito à pista, o aparelho – um Boeing 777-330 – incendiou-se. Todos os passageiros e 18 tripulantes foram salvos a tempo pelas operações de emergência, mas não se terão livrado de um valente sustro.

O incidente ocorreu às 12h45 locais (9h45 em Lisboa) e deixou o aparelho totalmente destruído, tendo as chamas consumido toda a parte superior do avião.

Imagens divulgadas nas redes sociais pouco depois da notícia ter sido conhecida mostravam fumo a sair do aparelho, que tinha partido da cidade indiana de Thiruvananthapuram, capital do estado de Kerala.

Avião da Emirates incendeia-se durante aterragem do aeroporto do Dubai

Um avião da companhia aérea Emirates sofreu esta manhã um acidente, no aeroporto internacional do Dubai. A aeronave despenhou-se enquanto fazia uma aterragem de emergência, e não terá conseguido ativar o trem de aterragem. O avião acabou por explodir, já parado na pista.

A companhia já emitiu um comunicado no Facebook a confirmar o acidente. Seguiam 282 passageiros e 18 membros da tripulação a bordo da aeronave, e a Emirates já confirmou que não existe nenhuma vítima a registar:

“A Emirates pode confirmar que hoje, 3 de agosto de 2016, o voo EK521, vindo do aeroporto internacional de Trivandrum, em Thiruvananthapuram, Índia, para o Dubai, este envolvido num acidente no aeroporto internacional do Dubai”, escreveu a Emirates num comunicado na sua página de Facebook.

A companhia aérea adiantou ainda que “a principal prioridade neste momento é a segurança e o bem-estar de todos os envolvidos”. A companhia aérea já abriu uma linha de apoio aos clientes e às famílias, disponível nos Emirados Árabes Unidos, no Reino Unido e nos Estados Unidos da América.

O avião vinha de Thiruvananthapuram, na Índia, e preparava-se para aterrar no Dubai. De acordo com a Gulf News, o voo EK521 teve de fazer uma aterragem de emergência. Todos os passageiros foram retirados em segurança do Boeing 777-300, que já estava em atividade desde 2003.

Os ocupantes do avião eram maioritariamente indianos (226 dos 300). No voo seguiam ainda 24 britânicos, 11 naturais dos Emirados Árabes Unidos, seis dos EUA, cinco turcos, e quatro irlandeses.

Vários vídeos divulgados nas redes sociais mostram os momentos do acidente. Vê-se a aeronave a aterrar, explodir, e a deitar fumo:

Alguns vídeos mostram os momentos após o acidente, em que se começou a ver muito fumo a sair da aeronave.

De acordo com informações da Emirates, o avião partiu às 10h19 da Índia, e aterrou às 12h50 no Dubai (horas locais).

Todos os voos estão neste momento suspensos no aeroporto do Dubai, e a companhia aérea explica que está a haver “cooperação total” entre a Emirates e “as autoridades e serviços de emergência que estão a gerir a situação”.

A companhia aérea é a maior do Médio Oriente, e voa para 153 destinos em todo o mundo.

Avião solar completa volta ao mundo sem usar combustível

O avião Solar Impulse II, movido exclusivamente a energia solar, completou esta terça-feira a volta ao mundo que iniciou em março de 2015.

O Solar Impulse II aterrou em Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos) às 04:05 (01:05 em Lisboa), de onde tinha partido a 09 de março do ano passado para um périplo inédito de mais de 40 mil quilómetros, passando por quatro continentes e concluído sem usar combustível.

“Este é um momento muito especial para nós, completámos esta viagem, passo a passo, e estamos muito emocionados com a chegada a Abu Dhabi”, disse à agência de notícias EFE André Borschberg, um dos dois pilotos da aeronave. Na última etapa, entre o Cairo e Abu Dhabi, o avião foi pilotado por Bertrand Piccard.

O Solar Impulse II percorreu 40 mil quilómetros em 17 voos de mais de 500 horas. Sobrevoou o mar da Arábia, a Índia, a Birmânia, a China, os oceanos Pacífico e Atlântico, os Estados Unidos da América, o sul da Europa e o norte de África.

O projeto Solar Impulse II – liderado por dois pilotos suíços, Bertrand Piccard e André Borschberg, pretende consciencializar e convencer os diferentes líderes políticos da necessidade de optar por soluções tecnológicas que preservam o ambiente.

Bomba no avião do Egito estava na cabine de passageiros

Vladimir Putin

O jornal refere ainda que uma fonte próxima da investigação russa das causas do desastre, que vitimou 224 pessoas, explica que o epicentro da explosão parece ter sido na parte de trás da cabine principal, perto da cauda do avião.

“De acordo com uma versão preliminar [dos acontecimentos], a bomba poderia estar debaixo do assento de um passageiro, do lado da janela. O seu acionamento levou à destruição do caixilho da janela e despressurização da cabine, o que teve um papel explosivo”, afirma a mesma fonte.

Ontem, foi confirmado que a queda do avião foi um ato terrorista. Em reação, o presidente da Rússia, Vladimir Putin prometeu “punir” os responsáveis e intensificar os ataques aéreas contra o grupo extremista Estado Islâmico.

Avião: Rússia oferece recompensa de 50 milhões por informações

Vladimir Putin

Esta manhã foi confirmado o atentado ao avião com 224 pessoas a bordo que caiu no Sinai, Egito, noticia a CNN.

O presidente russo prometeu punir os autores, depois de ter sido informado pelo chefe de segurança russa que o aparelho tinha sido derrubado intencionalmente.

Agora, a imprensa local avança com a indicação de que existe uma recompensa de 50 milhões de dólares (cerca de 47 milhões de euros) para aqueles que tiverem informações sobre este ataque.

Vladimir Putin ordenou serviços especiais para ajudar a encontrar os responsáveis pelo despenhamento do avião, que aconteceu no mês passado.

“Vamos procurá-los onde quer que estejam escondidos. Vamos encontrá-los em qualquer parte do mundo e castigá-los”, disse o Presidente russo, Vladimir Putin, ao chefe dos serviços de inteligência russos (FSB), Alexander Bortnikov, na noite de segunda-feira.

O chefe da agência de segurança FSB (antigo KGB), Alexander Bortnikov, informou o presidente russo de que a queda do avião resultou de um atentado.

“Pode dizer-se de forma inequívoca que foi um ato de terrorismo”, garantiu.

Bortnikov disse que o avião se desintegrou no ar devido a uma bomba com o equivalente a um quilo de TNT.

EMPRESAS