Inicio Tags Jogos

Tag: jogos

Secret City Trails revoluciona forma de conhecer cidades

Hilton and Traveltech Lab Pitch Event at London & Partners 12th December 2017

A ideia é descobrir cidades, uma espécie de paddy paper mais sofisticado, no entanto, dependendo do nível de competitividade irá certamente conhecer um pouco melhor quem está também a jogar consigo.

PROPOSTAS PARA CASAIS, FAMÍLIAS, AMIGOS, TEAM BUILDING

Quem pode jogar ? Escolha um parceiro, uma equipa ou jogue sozinho. Os jogos estão preparados para serem jogados seja com amigos, em família, com os colegas de trabalho, ou até mesmo sozinho.

As ideias são as mais variadas, com espaço para celebrações como aniversários.

A boa notíca é que não precisa de fazer nenhum download, os jogos estão inseridos na app que funciona no navegador de qualquer smartphone. Durante o jogo vão aparecer-lhe os trails disponíveis que incluem um caráter lúdico com explicações sobre os locais por onde vai passando com algumas recomendações.

A ideia é ir respondendo corretamente às questões para desbloquear o próximo enigma, bem como histórias e recomendações para bares, cafés ou lojas. O pagamento é feito online e pode comprar quantos jogos pretender e sem correr o risco de repetir algum.

Neste momento a Secret City Trails tem a decorrer uma campanha de Natal cuja sugestão é que a sua época natalícia seja passada de uma forma completamente diferente e muito divertida.

Os benefícios deste tipo de aventura desdobram-se entre o aumento da criatividade, produtividade e melhoria da capacidade de colaboração. Os jogos Secret City Trails já estão disponíveis em 17 cidades como Genebra, Barcelona, Viena, Londres, Amesterdão. Colónia, Bratislava e, em Portugal estão presentes no Porto e em Lisboa

Se quer fazer algo diferente, seja visitante ou local, experimente and have some fun!

COMO FUNCIONA?

PASSO 1

Comece por escolher a aventura urbana on-line e receba um e-mail com um link exclusivo para jogar, a seguir verifique no seu e-mail o ponto de partida do jogo e vá até o local para começar o jogo.

PASSO 2

Clique no link de e-mail no navegador do seu smartphone e aperte o botão “play” para receber seu primeiro enigma do jogo.

www.secretcitytrails.com

Facebook pede desculpa por ter promovido jogo violento após massacacre

“Removemos a demonstração de vídeo e estamos arrependidos de não ter feito isso desde o início”, disse Hugo Barra, vice-presidente do Facebook, responsável pelas atividades de realidade virtual da empresa na Conferência de Acção Política Conservadora (CPAC), que está a decorrer desde quinta-feira, nos arredores de Washington.

Barra pediu desculpa pela “insensibilidade” às famílias das vítimas do tiroteio na escola secundária de Parkland, a 70 quilómetros de Miami, no estado norte-americano da Florida, onde Nikolas Cruz, de 19 anos, matou 17 pessoas no passado dia 14 de fevereiro.

Este foi 18.º incidente com armas de fogo em escolas ou locais próximos de estabelecimentos de ensino nos Estados Unidos, desde o início do ano. O tiroteio abriu um debate sobre a posse de armas na América, com o presidente Donald Trump a manifestar a intenção de dar armas aos professores para prevenir mais incidentes nas escolas, dizendo que a medida abrangeria docentes com “treino especial” e “solucionaria o problema instantaneamente”.

LUSA

Mais um momento esquisito com o Pokémon GO: Nova Iorque doida com o vaporeon

 

Lembra-se daquele filme “Os deuses devem estar loucos”? Em caso afirmativo, continue neste parágrafo – caso contrário, salte já para o segundo. Agora imagine que em vez de uma garrafa de Cola é um jogo para smartphone que cai do céu e que em vez de uma tribo alienada são cidades inteiras que veem a coisa chegar dos céus. E que em vez de uma epopeia a solo é a gente inteira – ou quase – dessas cidades que saem do lugar de conforto (sofás, esplanadas, etc) para andarem estrada fora à procura do sentido das coisas. Bom, os deuses devem estar loucos.

O Pokémon GO é o jogo do momento – e está tudo doido com ele. Há relatos de gente que entra em propriedades privadas, que abandona os carros subitamente, que bate em transeuntes distraidamente, que tem comportamento esquisitos de telemóvel em riste – tudo porque o Pokémon vive da realidade aumentada e é preciso sair de casa e vaguear pelas ruas à procura de bichos virtuais. Ali no vídeo em cima o povo americano ensandeceu devido a um vaporeon, um pokémon raro e parece que muito fofinho. É só um vídeo, dura pouco, mas dá para entender que isto do Pokémon vai mexer com o nosso modo de vida.

A Mrs. White já não é uma das suspeitas do jogo de detetives Cluedo

O famoso jogo de detetives Cluedo, inventado em 1944, tinha os mesmos seis suspeitos desde o início: Mrs. White, Mr. Green, Mrs. Peacock, Professor Plum, Miss Scarlet e o Coronel Mustard. Mais de 70 anos depois, Mrs. White vai deixar de fazer parte deste leque de possíveis culpados da morte do Dr. Black. No lugar dela, aparece agora a Dr. Orchid, filha adotiva de Black, a vítima.

Mrs. White, Mr. Green, Mrs. Peacock, Professor Plum, Miss Scarlet e o Coronel Mustard. (Wikimedia Commons)

As personagens originais do Cluedo: Mrs. White, Mr. Green, Mrs. Peacock, Professor Plum, Miss Scarlet e o Coronel Mustard. (Wikimedia Commons)

De acordo com um comunicado da Hasbro, a fabricante do jogo, referido pelo The Telegraph, a governanta da mansão Tudor deixa de ser uma das suspeitas, e é substituída pela Dr. Orchid, “uma personagem brilhante com uma história de fundo rica e ligações à fortuna do Dr. Black”.

A história de vida da Dr. Orchid é, de facto, intrigante. Expulsa de uma escola privada, foi educada em casa pela própria Mrs. White. Depois, enquanto fazia investigações para o seu doutoramento em toxicologia de plantas, descobriu uma planta com propriedades medicinais, mas não partilhou a descoberta com ninguém, nem mesmo com o pai adotivo.

Para Craig Wilkins, o diretor de marketing da Hasbro, “foi uma decisão difícil dizer adeus à Mrs. White, mas, depois de 70 anos de atividade suspeita, decidimos que uma das personagens devia ir embora”.

As famílias em todo o mundo “irão continuar a criar mistérios emocionantes em torno dos seis suspeitos dentro da Mansão Tudor”, defende Craig Wilkins.

O Cluedo é um famoso jogo de tabuleiro em que os jogadores devem investigar a morte do Dr. Black. Os participantes devem descobrir quem matou o Dr. Black, qual a arma que utilizou e em que divisão da casa o fez. No início do jogo, são colocados num envelope fechado três cartas: uma com o nome do assassino, uma com a arma e outra com a divisão da casa. A partir daí, é a imaginação dos jogadores que vale para construir o enredo do crime.

EMPRESAS