Inicio Tags Póvoa de Varzim

Tag: Póvoa de Varzim

Tribunal declara inconstitucional proibição de touradas na Póvoa de Varzim

Foto LUSA

O Tribunal Administrativo e Fiscal do Porto considerou inconstitucional a decisão da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim de proibir as touradas no município: “As deliberações dos órgãos do Município da Póvoa do Varzim que decidiram que, a partir de 1 de janeiro de 2019, estava interdita a realização, na área do município da Póvoa do Varzim, de corridas de touros ou outros espetáculos que envolvam violência sobre animais, padecem de inconstitucionalidade orgânica”, diz o comunicado.

A decisão chega dois meses depois de a Assembleia Municipal da Póvoa de Varzim ter aprovado por maioria uma proposta para a interdição de corridas de touros e espetáculos semelhantes que envolvam violência contra os animais. “Foi a vontade da maioria da representação política na Assembleia Municipal, e com a qual eu também concordo. O que me tem chegado, direta e indiretamente, é que há mais pessoas confortáveis com esta decisão, do que com a possibilidade continuarem a existir corridas de touros na Póvoa de Varzim”, justificou o autarca Aires Pereira.

Mas o tribunal de primeira instância considerou ilegal essa proibição após a Federação Portuguesa de Tauromaquia, o Clube Taurino Povoense e a Associação Aplaudir terem movido uma ação legal contra a Câmara Municipal por causa dessa decisão.

Em declarações à Rádio Observador, Aires Pereira comentou: “A decisão que o tribunal tomou tem a ver com a intenção da realização de três corridas de toiros que pretendiam fazer na Póvoa de Varzim. Já passou o mês de julho, já passou o mês de agosto e não houve nenhuma corrida de toiros. E o tribunal veio dar ganho de causa ao município, dizendo que foi completamente legítima a decisão para impedir a realização de corridas de toiros, uma vez que o espaço onde se iria realizar não tinham condições de segurança”.

Mas, segundo o autarca, “durante o acórdão, o senhor juiz faz um comentário relativamente a uma outra questão, que é uma decisão que a Câmara e a Assembleia Municipal tomaram”: “É um comentário num acórdão de 36 páginas em que o juiz levanta a questão da constitucionalidade ou não desta decisão”. Para Aires Pereira, a Federação de Tauromaquia “está a tirar uma conclusão de algo que não estava em discussão”.

Em comunicado enviado à imprensa, a Federação Portuguesa de Tauromaquia “aplaude a sentença hoje conhecida, considerando-a uma vitória em toda a linha para a liberdade cultural e para a cultura taurina em Portugal” e avança: “A nova data da tourada na Póvoa de Varzim será conhecida em breve”. Para a instituição, a decisão do tribunal “reconhece o direito à tourada”. “A partir de hoje fica claro que nenhum município em Portugal pode proibir touradas, porque isso viola os direitos e liberdades fundamentais de todos os cidadãos portugueses. O direito a organizar, participar e aceder a touradas é um direito fundamental, garantido pela nossa Constituição”, considerou Hélder Milheiro, secretário-geral da Federação.

Fonte Observador

“Cenas improváveis”: Alvarinho e música clássica subiram ao palco numa noite memorável no Theatro

Com casa cheia, o restaurante Theatro, na Póvoa de Varzim, reviveu o passado – daquele que já foi um cineteatro – e deu palco a “Cenas improváveis”, um espetáculo musical único do pianista Raúl da Costa. A proposta foi para um mini recital intimista, onde público e pianista, lado a lado, numa sala a meia luz, disfrutaram das melodias clássicas de um piano de cauda acompanhadas pela fruta da casta Alvarinho da primeira marca de Alvarinho de Melgaço – Soalheiro.

A iniciativa, de cariz cultural e solidário, tinha como objetivo apoiar os Bombeiros Voluntários da Póvoa de Varzim.

Raúl da Costa, é o mais recente nomeado a Diretor Artístico do Festival Internacional de Música da Póvoa de Varzim e, com apenas 26 anos, soma já um percurso irrefutável no mundo da música. “(…) as suas performances são cheias de fogo e energia, mas não de forma exagerada. Um verdadeiro artista com um grande futuro e não meramente um pianista.”

Póvoa de Varzim: Cadáver de mulher retirado do mar

Segundo os Bombeiros da Póvoa de Varzim, foram realizadas manobras de reanimação, mas sem sucesso.

O corpo da mulher, que aparenta ter cerca de 50 anos, foi transportado para o Instituto de Medicina Legal.

Peregrinos dos Caminhos de Santiago têm novas ferramentas de apoio

A iniciativa surgiu no âmbito de um projeto intermunicipal para a valorização dos Caminhos de Santiago, que envolveu as autarquias de Porto, Matosinhos, Maia, Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Esposende, Viana do Castelo, Caminha, Vila Nova de Cerveira e Valença

Esse projeto, que foi alvo de uma candidatura europeia, que teve aprovação, ganhou forma com a publicação de um livro, de uma mapa, e também com a criação de um site na internet e uma aplicação para dispositivos móveis, que foram ontem divulgadas.

Nestas novas ferramentas, que pretendem orientar, mas também conferir mais segurança à caminhada dos peregrinos, podem ser encontradas explicações sobre o Caminho da Costa, e também do Caminho Central, além de uma divulgação da vertente histórica e do património destes dez municípios que integraram o projeto.

Lucinda Delgado, vereadora com o pelouro do Turismo da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, considerou “ser muito importante a promoção destes guias, para que sirvam como uma orientação clara e com segurança para os muitos peregrinos que atravessam os territórios através da faixa costeira”.

“No nosso concelho, a até porque temos muita gente a visitar-nos durante o verão, iremos distribuir nos hotéis, alojamentos locais, albergues, além de nas igrejas e também nas Juntas de Freguesia, que funcionam um pouco como postos de turismo para os peregrinos”.

Sendo a Póvoa de Varzim uma das mais significativas instâncias balneares do norte do país, a vereadora considerou que faz todo o sentido “fazer a distribuição ainda durante o verão”, lembrando que neste período “passam diariamente muitos peregrinos pela cidade”

“Esperamos que estas ferramentas os ajudem, mas também sirvam de promoção dos Caminhos de Santiago para que os poveiros e quem nos vista de férias. Iremos, também, distribuir os guias pelas escolas do nosso concelho, como mais uma forma de divulgação”, disse a autarca,

Lucinda Delgada acredita que os outros municípios envolvidos também farão estas ações de promoção e divulgação, e acrescentou uma particularidade que autarquia local vai implementar.

“Iremos distribuir em todas as Juntas de Freguesia carimbos para que os peregrinos que por lá passarem possam também ter uma recordação dos locais e também mapas específicos do nosso concelho, com outros locais de interesse”, divulgou.

Além do formato físico dos livros, guias e mapas, todas as informações sobre o Caminho Português da Costa poderá ser acedido, via digital, no site www.caminhoportuguesdacosta.com e também, com o mesmo nome, numa aplicação para dispositivos móveis, que pode ser descarregada gratuitamente.

Jovem talento da Póvoa de Varzim no mundo da sétima arte

Iniciou o contacto no mundo das artes, aos quatro anos, quando começou a dançar e a tocar piano. Foi um gosto que cresceu com ela.

Photo Credit_ Chung AnimationAos 14 anos, depois de ter iniciado o secundário, em Portugal, surgiu a oportunidade para uma audição num colégio interno britânico de artes, Tring Park School for the Performing Arts. Agarrou a oportunidade e decidiu fazer a audição para a escola: um mundo novo, uma cultura nova, uma língua diferente, tudo fora da sua zona de conforto.

Sempre determinada, mas consciente das dificuldades e obstáculos com que se deparou neste percurso, em junho de 2010, com os pais, irmão e melhor amiga viajou para Londres ao encontro da audição tão esperada. A escola não hesitou em admiti-la e em setembro, do mesmo ano, embarcou assim numa nova aventura.

Maria revela-nos que este sonho não seria possível se não tivesse o constante apoio dos pais, moral e financeiro e uma bolsa de mérito oferecida pela escola.

Depois de provar o gosto pela representação em Londres, as ambições desta jovem cresciam cada dia.

Acredita acima de tudo que independentemente da vocação ou área de cada um, a oportunidade de uma educação a nível superior é uma mais-valia e uma prioridade. Com isto em mente fez várias audições para faculdades de teatro e cinema. A viver em Londres as escolhas eram inúmeras, no entanto, os seus sonhos falavam mais alto.

Algumas universidades americanas ofereciam audições em Londres para dar oportunidades a alunos estrangeiros de se candidatarem sem terem que se descolar aos Estados Unidos.

Depois, de mais uma dezena de audições, propostas e rejeições, Maria escolheu uma das várias universidades em Los Angeles que lhe ofereceram um lugar. Admite que enquanto indecisa entre duas escolas americanas, American Academy of Dramatic Arts e New York Film Academy, escolheu a que maior bolsa financeira lhe ofereceu.

Assim, em setembro de 2013, com duas malas e uma viagem de ida para Los Angeles, Maria embarcou numa nova etapa.

Foi com coragem, independência e determinação que entrou nos Estados Unidos, sozinha, pela primeira vez, e terminou a licenciatura, com distinção em maio de 2016.

Ensaio para Anuncio ´Purple One Studios´

Considera a Califórnia a sua segunda casa, mas Portugal é incomparável a qualquer outro lugar do mundo, é onde recarrega energias, reencontra as pessoas mais importantes e o apoio incondicional. Onde, ainda, se sente a menina de 14 anos que sonhava conseguir chegar à capital do cinema.

Atualmente, encontra-se a dar os primeiros passos na indústria de cinema americana, diz que o mais importante é estar sempre a trabalhar e a realizar novos projetos. Em menos de seis meses, na indústria, já contracenou em dois anúncios, e várias curtas. Confessa ter consciência da enorme competição, mas isso não a assusta, apenas alimenta a sua  motivação e relembra-a da maratona tão esperada que finalmente começou a percorrer.

Visite o seu site www.mariadesa.com

EMPRESAS