Inicio Tags TI

Tag: TI

DB Schenker apresenta projeto iHub

O projeto, designado por iHub, foi concebido para mostrar de que forma um sistema apoiado por TI (Tecnologias de Informação) pode ser utilizado para gerir eficientemente frotas de veículos a diesel e elétricos.

Para concretizar esta ideia, a DB Schenker está a colaborar com várias empresas e entidades alemãs como a FRAMO, fabricante de camiões elétricos, a empresa de software PTV, o Instituto de Transportes Fraunhofer, a Infraestrutura de Sistemas IVI de Dresden e o Instituto de Logística de Combustíveis Pós-Fósseis. O projeto está a ser financiado pelo Ministério Federal Alemão de Economia e Energia.

A eletromobilidade apresenta desafios específicos no contexto das atividades logísticas para cargas LCL (carga de menos de um contentor), uma vez que este setor necessita que as entregas sejam rápidas, pontuais e de confiança. Dado que os veículos elétricos necessitam de ser recarregados com regularidade, podem ficar em desvantagem quando comparados a camiões movidos a diesel. Para mitigar esta questão, um prestador de serviços de logística que queira integrar camiões elétricos na sua frota de veículos precisa de um sistema de gestão inteligente que permita o planeamento dinâmico da viagem. Para tal, uma ordem de transporte é alocada a um camião elétrico apenas se este veículo conseguir registar o mesmo nível de fiabilidade que o camião a diesel. Esta forma de gestão será desempenhada pelo sistema iHub em desenvolvimento.

Ainda que os serviços de correio e as empresas de entregas estejam já a usar carrinhas e camiões pequenos elétricos, a experiência destas empresas não pode ser transferida para o contexto de logística, uma vez que este setor percorre distâncias mais longas e transporta cargas maiores.

Para a implementação do projeto iHub vão ser utilizados três camiões elétricos com peso total admissível de 18 toneladas métricas. Enquanto estiverem em trânsito e para evitar qualquer recarga, o software vai calcular a rota mais eficiente para os veículos. Para maximizar a eficiência, os dados operacionais são seguidos online e usados para recomendação de rotas de ação específicas.

Tendo em consideração a questão do alcance limitado dos camiões elétricos e a localização próxima do centro da cidade, a filial em Berlim foi estrategicamente escolhida como local de testes.

Sobre a DB Schenker

DB Schenker é o maior fornecedor de logística global com mais de 72 000 colaboradores em cerca de 2 000 locais em todo o mundo e é líder no transporte terrestre europeu. Conta com mais de 2200 milhares de TEU de volume exportado por frete marítimo e faz aproximadamente 1 200 voos charter por ano nas principais linhas aéreas, ligando os centros em todos os continentes. Apoia a indústria e o comércio na troca global de mercadoria através do transporte terrestre, do transporte mundial aéreo e marítimo, da logística de contratos e da gestão da cadeia de abastecimento.

A logística integrada reside nas mais importantes interseções do mundo, onde o fluxo de mercadoria cria uma ligação eficaz entre carreiras. As mais-valias dos serviços da DB Schenker garantem um fluxo de mercadoria contínuo e uma agilidade e otimização das cadeias de abastecimento, de modo a assegurar o sucesso. A empresa ocupa lugares de topo no setor automóvel, tecnologia, bens de consumo, logística de feiras, transportes especiais e logística de eventos especiais.

Porto Tech Hub reúne, pela 5ª vez, a comunidade tecnológica da Invicta

Cerca de 1.000 participantes são esperados para mais uma edição do evento que promove a discussão e partilha de conhecimentos em torno da área da Tecnologia, este ano sob o tema “Art, Culture and Tecnologies”.

São 23 as empresas que constituem a Porto Tech Hub (PTH), uma associação sem fins lucrativos voltada para a promoção e capacitação tecnológica na cidade do Porto, que trabalham em conjunto para a organização desta grande conferência anual. Com a intenção de proporcionar networking, partilha de conhecimentos e experiências profissionais e pessoais em torno do universo tecnológico, a conferência da PTH é já referência em matéria de eventos institucionais, contando com cinco edições de sucesso e largas centenas de participantes.

Para esta edição, o tema explora dimensões múltiplas que vão desde a intervenção da tecnologia nas práticas artísticas à própria Cultura das organizações, com nomes ainda por desvendar mas que prometem, à semelhança dos anos anteriores, deixar rendida a audiência. As inscrições para a conferência já se encontram disponíveis a preço reduzido aqui.

Paralelamente, decorrem também as candidaturas ao programa SWitCH, dinamizado por esta associação em parceria com o Instituto Superior de Engenharia do Porto (ISEP). Esta formação tem por objetivo o combate ao desemprego, através da requalificação de licenciados e da sua rápida inserção num mercado com carência de profissionais qualificados, com excelentes perspetivas de uma carreira profissional, como é o caso das TI, em particular em empresas ligadas ao desenvolvimento de software.

EMPRESAS