Inicio Tags Transportadoras

Tag: transportadoras

GLS inaugura novo hub internacional em Madrid que dará suporte a toda a estrutura ibérica

© GLS

O hub da GLS em Madrid opera como ponto de distribuição nacional e como hub internacional para o mercado europeu do Grupo GLS, sendo Portugal um dos países que beneficia bastante com este incremento de capacidade. «Com a aposta nesta nova infraestrutura ibérica temos ainda melhores condições para continuar a crescer e para Portugal continuar a servir ainda melhor os seus clientes e oferecer um serviço de maior qualidade, algo que assume na nossa estratégia uma grande importância», explica o Diretor Geral da GLS em Portugal, Victor Gonzalez. Ao mesmo tempo, o investimento irá contribuir para otimizar o fluxo das encomendas na rede da GLS.

Maior, central e sustentável

A nova unidade conta com uma superficie de 11 200 metros quadrados e quatro digitalizadores com mais 130 classifcações automatizadas tornam possível uma operação mais rápida e eficiente. As câmaras de segurança registam cada envio e um total de 111 cais que facilitam a carga e descarga dos veículos de distribuição e dos camiões de transporte de longa distância.

Outra grande vantagem deste novo hub está diretamente ligado às preocupações ambientais do Grupo, já que a iluminação LED e o aquecimento feito por bombas de calor reduzem significativamente o consumo de energia e consequentemente o impacto ambiental. As estações de carga para veículos elétricos  abrem o caminho para a futura entrega de encomendas sem emissões. 

Sobre o Grupo GLS

GLS, General Logistics Systems B.V. (com sede em Amesterdão), realiza os seus serviços de forma confiável e com alta qualidade para mais de 270,000 clientes, complementados por uma logística de serviços express.
“Ser uma transportadora de logística líder de qualidade Europeia” é o objetivo principal da GLS, tendo a sustentabilidade como um dos seus principais valores. Através das suas  parcerias,  o grupo possui conexões em 41 países europeus, em oito estados americanos, no Canadá e  está globalmente conectada através de diversos acordos. Com cerca de 50 pontos centrais e mais de 1,000 armazéns e agências estão à disposição da GLS. Com a sua rede terrestre a GLS é uma das principais transportadores na Europa. A GLS conta com 18,000 funcionários e todos os dias possui cerca de 30,000 veículos em percurso. No ano 2017/18 a GLS obteve receitas financeiras de 2,9 biliões de euros e transportou 534 milhões de encomendas.

Operadores oferecem um mês de passe a novos clientes

A iniciativa “Passe a Passe”, liderada pela Área Metropolitana de Lisboa (AML), que é também a Autoridade Metropolitana de Transporte, foi apresentada esta quarta-feira e envolve as transportadoras que operam na área desta autarquia, desde Palmela a Mafra.

Demétrio Alves, primeiro secretário da AML, explicou que o objetivo é captar novos utentes para os transportes públicos da zona de Lisboa. “Todos os cidadãos ainda não utentes do passe intermodal que queiram passar a aderir ao passe intermodal ou todos os que já o tenham sido, mas não sejam praticantes pelo menos há 12 meses, poderão no dia 22, ao fazerem a aquisição do passe intermodal em cartão, ter acesso a um ‘voucher'”, explicou, realçando que o valor do ‘voucher’ é variável consoante o transporte, mas pode situar-se entre os 35 e os cerca de 80 euros.

O responsável destacou que o ‘voucher’, no valor de um mês de passe, poderá ser usufruído ainda em outubro ou, caso os prazos não o permitam, em novembro. “Os cidadãos deverão informar-se junto do seu operador qual será a forma mais adequada de no próximo dia 22 poderem fazer a sua compra do passe no âmbito desta campanha”, acrescentou.

Demétrio Alves admitiu que o atual sistema de transportes “tem grandes limitações e não é de um dia para o outro que eles se vão resolver”.

“Foram muitos anos de desinvestimento, muitos anos de atraso no sistema de transportes. Hesitámos até em fazer esta iniciativa, que poderia ter exatamente este inconveniente, que era morrer do êxito. Se tiver muita adesão, pode trazer problemas designadamente naquele dia. Achámos que valia a pena o mérito da mensagem sobrepor-se às eventuais dificuldades que possam existir”, considerou.

Demétrio Alves lançou também um apelo às operadoras que aderiram à iniciativa para reforçarem os postos de atendimento no dia da campanha.

A AML é composta pelos municípios de Alcochete, Almada, Amadora, Barreiro, Cascais, Lisboa, Loures, Mafra, Moita, Montijo, Odivelas, Oeiras, Palmela, Seixal, Sesimbra, Setúbal, Sintra e Vila Franca de Xira.

Aderiram à campanha a Barraqueiro Transportes (Ribatejana, Boa Viagem, Mafrense e Oeste), Henrique Leonardo da Mota, Isidoro Duarte e JJ. Santo António, Rodoviária de Lisboa, Scotturb, Transportes de Lisboa (o que inclui a Carris, o Metropolitano e a Transtejo), Transportes coletivos do Barreiro, Transportes Sul do Tejo, Vimeca, CP – Comboios de Portugal, Fertagus e Metro Transportes do Sul.

 

EMPRESAS