As mensagens deixadas pelos seguidores levaram-na Miss Piauí a apresentar queixa às autoridades. Renata Lustosa publicou mais tarde um segundo vídeo no qual explica que resolveu “falar”, “denunciar”, porque recebeu “apoio de muita gente”.

“As agressões iniciaram-se durante o namoro, um período longo, mas eram agressões leves, tapas, empurrões, coisa que deixava passar. Porém, depois que passarmos a viver na mesma casa, com o bebé ao colo, já cheguei a ser agredida com tapa no rosto e ainda recebi ameaças de morte, caso procurasse a polícia”, contou.