“Guerra” escolhida Palavra do Ano 2022

A palavra "Inflação" conquistou o segundo lugar do pódio com 18,8% dos votos. "Urgências" ficou em terceiro lugar, com 6,6% dos votos.

441

Esta quinta-feira a Porto Editora anunciou que “guerra” foi eleita a Palavra do Ano 2022, com 53,3% dos votos. “O vocábulo eleito, com o maior valor percentual de votos de sempre, remete-nos para a invasão da Ucrânia pela Rússia”, como referiu o grupo editorial, numa notícia divulgada no seu website oficial.

A palavra “inflação” arrecadou o segundo lugar, com 18,8% dos votos e “urgências” conquistou o terceiro lugar, tendo obtido 6,6% dos votos. Nos seguintes lugares encontram-se as palavras: “rainha”, “energia”, “seca”, “abusos”, “ciberataque”, “nuclear” e “juros”.

A votação decorreu no website da Palavra do Ano, ao longo de todo o mês de dezembro.

É de recordar que, a iniciativa ” Palavra do Ano” começou a ser promovida pela Porto Editora em 2009.