LUSA

As migas vão “reinar” durante o mês de fevereiro em 11 restaurantes do concelho de Mora, no distrito de Évora, numa iniciativa destinada a promover a gastronomia regional e a atrair visitantes. Intitulado “Mês das Migas”, o evento, promovido pelo município, em colaboração com a restauração local, pretende “trazer movimento ao concelho”, em fevereiro, um mês de “época baixa”, através da “valorização da gastronomia alentejana” e da promoção de um prato típico, que é “tão apreciado”.

A autarquia considera que, apesar de ao longo do ano as migas serem uma constante nas ementas dos restaurantes, em fevereiro, a oferta é adaptada ao evento e as sugestões de pratos de migas e respetivas combinações são as mais diversas. “Edição após edição, surgem inovações resultantes da imaginação e trabalho dos restaurantes participantes”, refere o município.

O Poço [em Brotas], A Palmeira, Os Arcos, O Fluviário e Solar da Vila [em Cabeção], Afonso, Bombeiros, Morense e Sabores de Mora [em Mora], O Forno e Molhó Pão [em Pavia] são os restaurantes aderentes na edição deste ano.

As migas constituem, segundo os especialistas, “um prato que tem tanto de delicioso como de versátil”, visto que há migas de espargos, de batata, gatas e de coentros, passando pelas de ovas e de enchidos, entre outras. A base é o pão alentejano e os acompanhamentos podem ser os mais variados, havendo “migas para todos os gostos”.