TikTok alarga acesso à API de Investigação e apresenta Biblioteca de Conteúdos Comerciais

O TikTok anunciou hoje o alargamento do acesso à API de investigação para a Europa e disponibiliza novas ferramentas de transparência para conteúdos comerciais. Estas ferramentas foram concebidas para aumentar a transparência dos conteúdos da plataforma e são o resultado do feedback recolhido junto dos investigadores e da sociedade civil.

502

Atualização e expansão da API de Investigação

No início deste ano, o TikTok lançou gratuitamente uma primeira versão da API de investigação para investigadores académicos nos Estados Unidos da América (EUA). O objetivo é facilitar a investigação independente da plataforma e trazer transparência ao conteúdo do TikTok. Desde então, a plataforma recebeu mais de 60 candidaturas de investigadores académicos dos EUA, que trabalham sem fins lucrativos, e cuja área de estudo está relacionada com temas como tendências de consumo, desinformação, saúde mental, entre outros. Nas próximas semanas, os investigadores académicos na Europa, que trabalham igualmente sem fins lucrativos, também vão poder candidatar-se a ter acesso à API de investigação.

À medida que o TikTok alarga o acesso à API, também está a implementar melhorias na API de investigação, que têm por base o feedback transmitido pela comunidade. Em primeiro lugar, vão apresentar o Lab Access. Em mais de metade das candidaturas que o TikTok recebeu, é pedida a colaboração com outros investigadores, pelo que, em breve, será permitido que, até dez investigadores trabalhem em conjunto num projeto de investigação partilhado. Todos os investigadores terão de ter a sua própria conta TikTok for Developers e estarem localizados nos EUA ou na Europa para aceder à API de Investigação. Os investigadores principais vão poder apresentar uma única candidatura para os colaboradores da mesma universidade. Os projetos que envolvam várias universidades terão de apresentar candidaturas separadas para cada universidade. Para tornar o processo de submissão de candidaturas mais simples, o TikTok vai  disponibilizar um formulário Web para esse efeito.

Biblioteca de Conteúdos Comerciais

O TikTok está a abrir a sua Biblioteca de Conteúdos Comerciais para conferir transparência à publicidade paga e a outros conteúdos de natureza comercial no TikTok. A Biblioteca de Conteúdo Comercial é uma base de dados pesquisável com informações sobre os anúncios pagos e metadados de anúncios, como por exemplo o criativo por detrás da publicidade, as datas em que o anúncio foi divulgado, os principais parâmetros usados para segmentação (por exemplo, idade e género), número de pessoas que receberam o anúncio, entre outros.

A Biblioteca também inclui informações sobre conteúdo de natureza comercial, tanto classificados como parceria paga ou promocionais – conteúdo que promove uma marca, produto ou serviço, mas não é um anúncio pago (saiba mais no Help Center). Nos últimos meses, o TikTok testou uma versão inicial desta Biblioteca com investigadores e com a sociedade civil para recolher feedback antes de a tornar mais amplamente disponível. Com base nos testes realizados, e nos contributos dos especialistas, foi acrescentada a possibilidade de efetuar pesquisas precisas, tendo sido incluído mais parâmetros de seleção e melhorado a qualidade dos dados, entre outras atualizações.

A plataforma também irá oferecer acesso a uma API de Conteúdo Comercial. Os investigadores terão de criar uma conta TikTok Developers, e submeter uma candidatura para aceder à API de conteúdos comerciais, que será analisada para evitar que estes dados sejam usados por agentes maliciosos. Ainda que qualquer pessoa possa aceder à Biblioteca de Conteúdos Comerciais, neste momento, apenas estão disponíveis dados da Europa. O TikTok planeia incluir mais dados de publicidade de mais países, no futuro. Estão disponíveis mais informações sobre esta API e o acesso à mesma está disponível no TikTok for Developers.

O TikTok valoriza obter feedback sobre como melhorar ambas as APIs. Por isso, vai continuar a proceder a atualizações de modo a apoiar a investigação independente e a transparência na plataforma.