Lisboa tem uma nova livraria dedicada a obras produzidas por mulheres

A Livraria Greta, dedicada exclusivamente a obras produzidas por mulheres, abriu portas esta semana na zona dos Anjos, em Lisboa.

Data:

Projeto de Lorena Travassos, fotógrafa e professora de Cultura Visual/Fotografia, a livraria tem nas estantes “livros escritos por mulheres (cis ou trans)”, de várias áreas (ficção, banda desenhada, livros infantis, história, estudos de género, poesia), e também revistas, zines e artes gráficas.

Virginia Woolf, Clarice Lispector, Agustina Bessa-Luís e Natália Correia são algumas das autoras em destaque na montra que abre a página oficial da Greta (https://www.gretalivraria.com/), que inclui ainda publicações feministas e ‘queer’ e uma secção de livros infantis.

A prioridade é “disponibilizar livros que foram publicados em pequenas editoras ou por autopublicação e que, por isso, não estão disponíveis nas grandes livrarias”, lê-se na página.

O objetivo é refletir “os problemas de género” da atualidade e “tornar acessível a publicação de grande qualidade que está sendo produzida [sobre o tema], mas que não tem espaço”.

A livraria especializada acolherá conversas, oficinas e lançamentos de livros, assumindo-se como “um lugar seguro para o encontro e debate de temas que sejam remetidos às comunidades LGBTQIA+, imigrantes e afrodescendentes de todos os lugares do mundo”.

A literatura à venda será exclusivamente da autoria de mulheres, mas o espaço é aberto a qualquer pessoa que procure “um mundo mais justo e ético”.

Além de livraria, a Greta é também um “clube”, no qual, através de uma assinatura anual, os seus membros poderão receber livros em casa – em algumas modalidades, escolhidos com a curadoria da própria Lorena Travassos, doutorada em Ciências da Comunicação e especializada em arquivos coloniais e estudos de género.

Partilhar

Revista Digital

Revista Pontos de Vista Edição 131

Popular

Mais Artigos deste tipo

CARRIS e SIBS disponibilizam pagamento com MB WAY

A partir de hoje, viajar na CARRIS é ainda...

Workshop “Plano Nacional de Prospeção no âmbito do CRM Act”

No âmbito da recente aprovação, pela Comissão Europeia, do...

Setor da aviação considerado um dos mais atrativos para trabalhar em Portugal

A Randstad lançou mais uma edição do estudo Randstad...