“A relação com os Colaboradores é a minha Prioridade”

Margarida Filipe ocupou, recentemente, a posição de Responsável de Recursos Humanos na Jungheinrich Portugal, cargo que não existia até então, assegurando que este é um sinal claro da marca que pretende alguém especializado que cuide das Pessoas e crie políticas de Recursos Humanos fortes e sustentáveis para reter e atrair talento. Venha conhecer um pouco mais deste novo desafio da Jungheinrich Portugal e de Margarida Filipe.

99

Sabemos que a Margarida Filipe ocupou, recentemente, a posição de Responsável de Recursos Humanos a Jungheinrich Portugal, cargo que não existia até então. Para começar, após 25 anos de história em Portugal, quais diria que foram as grandes motivações por parte da empresa na decisão de criar este departamento?
Na Jungheinrich Portugal assistimos, nos últimos anos, a um crescimento impressionante do nosso volume de negócios e à consequente necessidade de incorporar mais pessoas na nossa Equipa. Para apoiar as necessidades dos nossos colaboradores, expetativas e perspetivas de desenvolvimento, considerámos ser necessário elevar o nosso nível no que diz respeito à gestão dos Recursos Humanos. O nosso crescimento aliado às exigências do mercado, levou à necessidade de termos alguém que cuide das pessoas e que crie políticas de Recursos Humanos fortes e sustentáveis para reter e atrair talento.

Ao longo dos seus 25 anos, a Jungheinrich Portugal passou por várias fases de crescimento e desenvolvimento – e este movimento estratégico nos Recursos Humanos reflete uma mudança organizacional e uma resposta proativa aos desafios e oportunidades. Assim, no seu entender, de que forma esta nova posição irá influenciar a abordagem da empresa e o seu sucesso?
Numa sociedade em constante mudança, e cada vez mais exigente, ter colaboradores com as competências adequadas, motivados e felizes naquilo que é a nossa área de negócio, é o mais importante para o seu desenvolvimento. Para mim e para a própria empresa, esta nova função é crucial para potenciar o desenvolvimento e atingirmos o sucesso.

Certo é que, este passo também traz consigo a missão de implementar práticas de gestão de pessoas na empresa e destaca o seu compromisso em cultivar e manter profissionais qualificados. Que estratégias foram, por isso, implementadas para reter talentos na Jungheinrich? Como aborda a retenção dos mesmos neste que é um setor competitivo?
Na Jungheinrich Portugal desenvolver uma cultura de proximidade é fundamental. A relação com os colaboradores é a minha prioridade. Estar disponível para ouvir e envolver as pessoas nos processos do dia a dia, ajuda a que se sintam parte integrante da empresa e, consequentemente a termos pessoas mais motivadas e felizes no que fazem. Para além disto, reforçar os planos de carreiras, a políticas de benefícios e o desenvolvimento constante das suas competências é extremamente importante para a sua retenção.

Além disso, em que medida é (e será) relevante a marca investir no desenvolvimento profissional dos seus colaboradores? Existem, atualmente, iniciativas que promovam esse desenvolvimento?
É de extrema importância, queremos ter connosco sempre os melhores profissionais. A Jungheinrich promove constantemente a formação e o desenvolvimento dos seus colaboradores. Temos um plano de formação bastante robusto, onde potenciamos o desenvolvimento individual de cada um, naquilo que é a sua área de atuação. O nosso plano de formação é composto tanto por formações nacionais como internacionais do Grupo, sempre adaptadas às necessidades de cada um. Para além das formações, apostamos nos planos de carreira dos nossos colaboradores dentro da empresa, onde traçamos um plano de acompanhamento, com a designação de um mentor, durante os primeiros 6 meses, até o colaborador ser autónomo e ter adquirido todas as competências que consideramos necessárias para a nova função.

Mas não fiquemos por aqui. Com a crescente ênfase na sustentabilidade e responsabilidade corporativa, de que forma a Jungheinrich integra princípios ambientais e sociais nas suas práticas de gestão de Recursos Humanos?
Garantir que as pessoas estão alinhadas com as práticas de sustentabilidade da empresa, é uma das nossas prioridades. Fazemos regularmente ações para as nossas equipas, onde promovemos estratégias de reciclagem e reutilização de matérias, nomeadamente a plantação de árvores na Serra de Sintra, recolha de lixo nas praias e separação e reciclagem dos materiais utilizados nas nossas oficinas. Para além disso, criámos internamente um Comité de Responsabilidade Social para nos ajudar na promoção e consciencialização da importância da sustentabilidade.

Dado tudo aquilo que foi mencionado, como define a cultura da Jungheinrich e de que forma esses valores são passados aos colaboradores?
Estamos neste momento a fazer uma transformação cultural, onde há uma maior consciencialização da importância das pessoas, da liderança e dos princípios que norteiam a nossa relação enquanto equipa no dia a dia. Os nossos valores são orientados, para a forma como somos ABERTOS, ATIVOS, EFICIENTES e como CUIDAMOS UNS DOS OUTROS, dos nossos clientes e do meio ambiente que nos rodeia.

25 anos já foram escritos pela Jungheinrich Portugal e, com a chegada da Margarida Filipe, novas histórias irão ser traçadas. Assim, quais são as suas perspetivas e planos para a empresa no que diz respeito à gestão de talentos nos próximos anos?
Sou apaixonada por pessoas e por fazer acontecer, pretendo contribuir diariamente para que a colaboração e a experiência do colaborador seja a prioridade. Sinto-me inteiramente alinhada com aquilo que são os valores preconizados pela empresa, e estou bastante feliz por isso. Procurarei sempre ter um papel ativo para a promoção de uma cultura organizacional forte, contribuindo para o desenvolvimento de cada colaborador, para a retenção e captação de talento, contribuindo assim também para o crescimento e sucesso da Jungheinrich.

Informação Adicional

A Jungheinrich Portugal, subsidiária do Grupo alemão Jungheinrich especializado em soluções de intralogística e automação, recebeu recentemente pela segunda vez consecutiva o certificado pela Great Place to Work®. na categoria Empresas, certificação que reconhece os empregadores que criam uma excelente experiência ao colaborador.

Atualmente com cerca de 106 colaboradores, a Jungheinrich Portugal tem a sua sede em Mem Martins (Lisboa) e uma Delegação Norte a funcionar na Maia. Com esta estrutura é possível oferecer total cobertura nacional e um serviço técnico próprio em todo o território nacional.

Os clientes podem dispor de equipamentos através de uma vasta gama de opções: compra, aluguer, leasing e renting. Paralelamente à gama completa de máquinas novas, a empresa disponibiliza também máquinas devidamente recondicionadas. A Jungheinrich disponibiliza ainda estanteria e equipamentos de armazenagem, aplicações de informática de logística, equipamentos industriais automáticos, componentes de sistemas integrados, bem como um conjunto de serviços associados.

CV Margarida Filipe

Com 10 anos de experiência profissional em Gestão de Pessoas, iniciou o seu percurso profissional em 2013 como Consultora de RH na Multipessoal e, posteriormente na Adecco (em 2016). Passando pela área farmacêutica, no Grupo Medinfar (em 2018), e nos últimos 3 anos na grande distribuição, no Grupo Bimbo, como People Manager.

Licenciatura em Ciências Psicológicas e Mestrado em Psicologia Social e das Organizações, pelo ISPA – Instituto Universitário (Instituto Superior Psicologia Aplicada).