DECORHOTEL Design Awards! alavanca notoriedade da DECORHOTEL para o Mundo

Concurso destinado a jovens arquitetos recebeu 94 propostas de vários países. A Rússia acabou por dominar a entrega de prémios da iniciativa.

114

A primeira edição do concurso ‘DECORHOTEL Design Awards’, da plataforma IF em parceria com a DECORHOTEL, chegou ao fim com chave de ouro. No total foram avaliadas 94 candidaturas oriundas dos quatro cantos do Mundo, mas só cinco foram distinguidas na cerimónia de entrega dos troféus e prémios, em paralelo com o último dia da DECORHOTEL.

Ao longo de quase um mês, vários arquitetos e estudantes da área inscreveram-se na iniciativa promovida pelo IF em parceria com a DECORHOTEL, mas para a execução do projeto – desenhar um Quarto de Hotel do Futuro – tiveram apenas 30 horas para passar as suas ideias para o papel.

“Colocámos esta iniciativa em prática em tempo recorde. Ponderamos só fazê-lo só na próxima edição da DECORHOTEL, mas fomos encorajados a avançar agora e ainda bem que o fizemos”, destacou Hugo Ferraz do IF.

Contas feitas, a Rússia roubou todas as atenções com três projetos de vários arquitetos do país a conquistarem os troféus.

A primeira classificada foi a arquiteta Oksana Pigina, que foi distinguida com um troféu e um prémio monetário de 1000 euros. A equipa formada pelos arquitetos Tânya Arsenyeva, Dimitri Lartionov e Yuri Boryu conquistou o segundo lugar, tendo recebido 500 euros. A medalha de bronze foi entregue à arquiteta Maria Lepina, que arrecadou o prémio de 250 euros.

Os projetos dos arquitetas Joana Mateus Ferreira (Portugal) e Kristina Babyuk (Rússia) receberam menções honrosas.

José Frzaão, promotor da DECORHOTEL e um dos jurados do DECORHOTEL Design Awards, mostrou-se orgulhoso da iniciativa promovida em conjunto com o IF, ressalvando a importância desta para o próximo desafio da exposição – a internacionalização. “Quero agradecer desde já à minha equipa. A equipa do IF arriscou. Nós arriscámos e fomos. Não costumamos fazer concursos, mas neste caso correu muito bem. Tivemos 24 países participantes e uma dezena larga de candidaturas. Escolhemos os projetos que eram exequíveis e sustentáveis”.

A moderação coube a Ângela Leitão, da Anteprojetos. Enquanto Hugo Ferraz e Pedro Hébil, do IF, juntaram-se aos jurados do concurso José Frazão, Promotor da DECORHOTEL, Sara Afonso, arquiteta e CEO Something Imaginary, e o arquiteto Pedro Lebre.