Inicio Tags Carnaval

Tag: Carnaval

Rio de Janeiro: são esperados 1,5 milhões de turistas no Carnaval

As previsões para este ano são maiores do que as de 2017, quando o Governo estimou que o Carnaval mobilizaria 5 milhões de foliões na cidade.

De acordo com um estudo da Fundação Getúlio Vargas (FGV), o Carnaval terá um impacto positivo de 3,5 mil milhões de reais (900 milhões de euros) na economia do Rio de Janeiro.

Apesar dos cortes de verbas anunciados pela câmara do Rio de Janeiro no ano passado para os festejos do Carnaval, Marcelo Alves, presidente da Riotur – uma agência pública de promoção do turismo da cidade – informou que este ano realizou uma captação recorde de investimento privado, totalizando 38,5 milhões de reais (9,9 milhões de euros).

“O volume de turistas esperado baterá todos os recordes. Estamos preparados para oferecer a melhor experiência desta festa para todos”, disse o presidente da RioTur.

Já o presidente da câmara do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, destacou hoje numa reunião com jornalistas que espera que o Carnaval traga de volta o otimismo para a cidade, que tem sofrido com o aumento da violência.

“Fizemos um esforço para apresentar um Carnaval muito bonito, e esperamos que seja sem violência. Além da competição nos desfiles, o Carnaval é também para mostrar ao mundo que continuamos otimistas”, afirmou Marcelo Crivella.

Os representantes do Governo carioca também confirmaram que além das escolas de samba que desfilam no Sambódromo a cidade terá pelo menos 600 desfiles de blocos pelas ruas, número que ainda pode aumentar.

A câmara anunciou ainda que vai instalar 32.560 casas de banho portáteis nas ruas, uma oferta maior em relação às 31 mil de 2017. Quem precisar de atendimento médico durante o Carnaval poderá contar com cinco postos de saúde e 130 ambulâncias e paramédicos.

A tarefa de organizar o trânsito ficará a cargo de 1.500 agentes da polícia.

LUSA

Carnaval com chuva e frio

A chuva está de volta a partir de domingo, no Minho e Douro litoral, e vai estender-se a todo o território na segunda-feira, passando depois a regime de aguaceiros nas regiões do Norte e Centro.

A meteorologista Maria João Frada, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) explica que os “aguaceiros vão ser de neve acima dos 1.400 metros das terras altas do norte e centro o que significa que só deverá nevar nos pontos mais altos da Serra da Estrela e de forma pouco intensa”.

Entre sábado e terça-feira as temperaturas máximas vão variar entre os 14 e os 17/18 graus Celsius nas regiões do litoral e no interior entre os 12 e os 14/15. Na Serra da Estrela não devem ultrapassar os 10. As mínimas vão variar entre 02 e 06 no interior norte e centro e no litoral entre os 08 e 12″, concluiu.

Carnaval de Torres Vedras 2017: um caso sério de brincadeira

 

Sexta-feira, 24 de fevereiro, arranca cedo, às 09h30, com a realização do tradicional Corso Escolar, no qual participarão cerca de 7200 alunos, acompanhados por 950 auxiliares e professores, de 78 estabelecimentos de ensino do concelho de Torres Vedras. Este é um dos corsos mais concorridos do Carnaval, com toda a família a querer assistir ao desfile destas pequenas grandes figuras. Com música no pé e uma alegria contagiante, as nossas crianças mostram com orgulho o trabalho que realizaram na escola e mostram que é de pequenino que se “entranha o bichinho”.

A cerimónia de entronização de Suas Altezas Reais, os Reis do Carnaval de Torres Vedras, acontece a partir das 22h30, com partida da Estação de Comboios, cortejo pelo centro da cidade e entronização na Avenida 5 de Outubro, em frente ao edifício da Câmara Municipal. Trata-se de um momento solene, de forte sátira, em que Dom Troikado Chamuçado da Bela Geringonça e Dona Klintoriana Emproada Emborrachada receberão as Chaves da Cidade, das mãos do presidente da Câmara Municipal. A partir de então, os destinos de Torres Vedras ficam na mão de Suas Altezas Reais, pessoas muito conhecidas na terra que se distinguem por serem grandes foliões e sempre dois homens por tradição (Ricardo Miranda (rei), e Ricardo Rodrigues (rainha)).
A animação prossegue noite dentro, com a loucura habitual que só conhece quem por cá passa. A partir das 22h30 há Dj´s nos palcos da Praça Machado Santos e na Praça Sagres (Jardins de Santiago).

Sábado, 25 de fevereiro, traz-nos o corso noturno e a realização do Concurso dos Grupos de Mascarados, a partir das 21h00. Um salutar convívio entre cerca de 2 mil mascarados, de mais de 40 grupos, que vão preencher o perímetro do corso e mostrar que, a criatividade aliada à sátira social e política, são o que torna o Carnaval de Torres único e diferente. Quem vence o concurso não é importante, o importante é esta agradável “brincadeira”. O Tó’Candar, aquele carro carregado de colunas e com uma banda que toca ao vivo, também sai à rua, fazendo com que a multidão o acompanhe no percurso e dance noite dentro.

Depois do corso há a noite do Carnaval de Torres… aquela que nunca acaba. DJ´S Carnaval no palco da Praça Machado Santos, Praça Sagres e Mercado Municipal.

Família que gosta de “brinquedos e muita brincadeira” vai ao corso diurno de domingo, 26 de fevereiro, a partir das 14h30. Esta é a ocasião para se divertir com os mais novos e perceber porque é que em Torres Vedras todos fazemos parte deste Carnaval. Aqui terá a oportunidade para admirar o notável trabalho de artistas plásticos locais nos carros alegóricos e perder-se com os grupos de mascarados, as bandas de música, os nossos cabeçudos, Zés Pereiras, serpentinas e os tradicionais “cocotes”.

O ideal seria “sentir a vibração” do Carnaval de Torres in loco, mas no caso de estar longe pode assistir ao programa da TVI “Somos Portugal”, em direto do corso de domingo, das 12h30 às 13h00 e das 14h00 às 20h00.

Todas as noites temos os palcos com Dj’s a animar os foliões e o domingo não será exceção.

Segunda-feira, 27 de fevereiro, vem demonstrar que não há idade para se entrar na folia. A partir das 14h30, mais de 800 seniores vão divertir-se na realização do Baile de Máscaras Tradição, na Expotorres. É absolutamente surpreendente verificar a energia destes nossos foliões.

Já a partir das 21h00, terá lugar o Corso Trapalhão que é o que o nome indica. Só terá de vir mascarado ou disfarçado. Neste corso não nos preocupamos com o “parecer”, basta “ser”. Tirar uns trapinhos velhos do baú e vir para o Carnaval de Torres Vedras faz parte da tradição. Talvez por isso, esta seja a noite da “matrafona” por excelência, com direito a concurso a partir das 23h00. A “matrafona”, típica do Carnaval de Torres, não é mais do que um homem vestido de mulher. É que antigamente, quando os homens trabalhavam a terra e as mulheres não podiam sair de casa para se divertir, o mais fácil e prático para mascarar era vestir a roupa da senhora. Assim nasceram as “matrafonas”.
Junte-se aos milhares que fazem deste corso uma verdadeira trapalhada!

Terça-feira, 28 de fevereiro, regressamos a partir das 14h30 ao Corso Diurno, com toda a habitual animação. Este é o dia em que os Torrienses vivem “em pleno” o seu Carnaval. Dá-se tudo o que ainda se tem, descarrega-se por completo a bateria… afinal este é o último dia do Carnaval.

1 de março, quarta-feira,  acaba-se a brincadeira. A partir das 21h00, realiza-se o Enterro do Entrudo, com aquele ambiente pesaroso e bem carpido que a todos relembra que Carnaval… só para o ano!

Que venham todos ao Carnaval mais português de Portugal porque a vida são dois dias… e o Carnaval de Torres são 6!

De 24 de fevereiro a 1 de março entre connosco nesta grande brincadeira.

Carnaval com chuva e vento sobretudo no norte e centro do país

“O estado do tempo para sábado, durante o fim de semana, e ainda a prolongar-se na época de carnaval, vai ser de alguma precipitação e vento. No sábado, com uma aproximação de uma superfície frontal, durante a tarde, vamos ter precipitação, que poderá ser por vezes forte, nos distritos de Viana, Braga, Porto, Vila Real, Viseu e Aveiro, entre as 15:00 e as 21:00 de sábado”, disse à Lusa Sandra Correia.

Segundo a meteorologista do IPMA, a passagem de uma superfície frontal irá provocar vento no litoral norte e centro, assim como nas terras altas, com rajadas que podem chegar aos 100 quilómetros por hora, e aos 80 km/h nos distritos do litoral.

Para domingo, de acordo com Sandra Correia, o dia ficará igualmente marcado por aguaceiros, mas “só a norte e centro”, prolongando-se para segunda e terça-feira.

Quanto às temperaturas, a meteorologista adiantou que no sábado ocorrerá uma descida da temperatura, que não sofrerá grandes alterações no fim de semana.

No entanto, na noite de terça para quarta-feira “assistir-se-á a uma nova descida da temperatura”.

A neve irá também marcar presença durante o fim de semana de Carnaval, com queda acima dos 800 e até aos 1000 metros, nas serras a norte junto com a fronteira de Espanha, assim como na Serra da Estrela, acima dos 1000 metros, sobretudo durante a tarde de sábado e na madrugada de sábado para domingo.

Em relação à agitação marítima, a partir de sábado à tarde, são esperadas ondas de noroeste entre 4/5 metros, situação que se prolonga para domingo e segunda-feira na costa ocidental.

CARNAVAL DE TORRES VEDRAS 2016

O Monumento ao Carnaval, os cabeçudos, os Zés-Pereiras, os carros alegóricos, o Tó’Candar (carro de grandes dimensões com banda a tocar ao vivo) e milhares de mascarados são as “figuras” desta grande festa. Durante 6 dias/ 5 noites são esperadas cerca de 350 mil pessoas no Carnaval de Torres Vedras. Deixamos o convite! Venha fazer um figurão!

A Organização do Carnaval garante, desde já, a presença de várias “Figurinhas de ouro” em Torres Vedras, como o ex-primeiro-ministro José Sócrates, o futebolista Cristiano Ronaldo, o presidente do Sporting Bruno de Carvalho, Jorge Jesus, bem como do Presidente da República, Cavaco Silva, e até de Mário Soares. O primeiro-ministro António Costa também assistirá aos desfiles, do camarote, contando com a presença de outros políticos da cena internacional, como Angela Merkel ou François Holande. Outras figurinhas do nosso jet-set “falido” também podem ser visitadas no Monumento ao Carnaval de Torres, que inaugurou no passado dia 16 de janeiro e pode ser visto até ao dia 10 de fevereiro.

Para conhecer melhor a história deste grande evento, não deixe de visitar a exposição “Loucuras e rodas nas voltas do Carnaval”, patente na Paços- Galeria Municipal de Torres Vedras, de 3 a 20 de fevereiro, e que nos conta a evolução do Carnaval de Torres, dos “bois ao diesel”, as suas figuras marcantes, maquetes e carros alegóricos. Também a exposição “Figuras, Figurinhas e Figurões- 40 anos de caricatura de António” merece a sua visita e estará patente na mesma galeria até 20 de fevereiro.

Mas o grande arranque do Carnaval 2016 será marcado, como já é tradição, por cerca de 8100 “figurinhas” que vão compor o Corso Escolar, a realizar no dia 5 de fevereiro, a partir das 09h30, no centro da cidade. São 7200 crianças, acompanhadas por professores e auxiliares, de 80 estabelecimentos de ensino do concelho (do ensino pré-escolar ao secundário). Estas crianças vão fazer um “figurão” por todo o lado por onde passem, com milhares de pessoas/familiares a assistir ao desfile de minions, Zés- Povinho, palhaços, Topo Gigios e até de Caretos.
Este é um espetáculo que pinta as ruas de Torres Vedras, deixa uma enorme alegria no ar e envolve todos os pais e comunidade educativa.

A chegada de Suas Altezas Reais, El Rei Dom Figurão Embatukado do Belo Carrascão e Dona Figurona Perikita Rebulona, acontecerá na Estação da CP, às 22h00, seguindo-se o desfile de toda a comitiva real e povo folião até Casa Aristocrática do Carnaval – CAC (futuro Centro de Artes do Carnaval- antigo Matadouro Municipal), com a apresentação da primeira figura desta casa e o momento de entrega das Chaves da Cidade pelo presidente da Câmara Municipal. Milhares de pessoas assistirão à entronização do Rei e da Rainha do Carnaval de Torres e, a partir de então, são eles que decidem sobre o reino da folia e a eles caberá a honra de inaugurar a “Ponte do Pólo Norte do Carnaval”, a nova ponte pedonal do Parque do Choupal.

Até 10 de fevereiro, Torres Vedras não pára. A partir das 22h30, há Dj´s Carnaval na Praça Machado Santos e Jardins de Santiago. No sábado, 6 de fevereiro, o corso noturno traz os grupos organizados de mascarados para concorrer ao concurso do Carnaval de Torres. Esperam-se 4 mil participantes nesta mostra de criatividade, originalidade e muito trabalho. Matrafonas, cabeçudos, Zés-Pereiras animarão a festa, mas os carros alegóricos ainda não saem à rua. Fica a curiosidade no ar até ao domingo, mas o Tó’Candar vai dar muita música a todos os que querem dançar noite dentro. A partir das 22h30, a Praça Machado Santos, Jardins de Santiago e Mercado Municipal vão contar com Dj´s para tornar ainda mais explosivo este Carnaval.

Domingo, 7 de fevereiro, é dia de toda a família sair para a folia, com o corso diurno a ter lugar a partir das 14h30. Faça chuva ou faça sol, há milhares de mascarado, de todas as idades, preparados para arremessar os típicos cocotes. Tempo também para apreciar o trabalho de grandes artistas locais que, durante largos meses, trabalharam com afinco nos 8 carros alegóricos que agora são apresentados, carregados de sátira política e social e que, de tão bem realizados, são um “marco artístico” do Carnaval de Torres.

Os carros alegóricos merecem um olhar mais atento. Neste campo, o carro “Futemania” traz-nos personagens como gangsters, árbitros, Jorge Jesus ou Platini, mas Pinto da Costa e Luís Filipe Vieira também integram este “mundo”. Já na “Rota Cega” um porco capitalista comanda, deliberadamente vendado, um paquete de luxo que traz a bordo os 7 pecados capitais. Logo ao lado, num pequeno barco sobrelotado e à deriva, lutam os náufragos no limite da sobrevivência. Já na “Política Internacional”, numa ilha dourada, Angela Merkel ouve gritos de desespero e prepara-se para um resgate de solidariedade. Em “Sheriff mas pouco”, que retrata a política nacional, Lucky Luke (Cavaco Silva) dorme tranquilo, enquanto os nossos corruptos irmãos Dalton (José Sócrates, Duarte Lima, Armando Vara e Ricardo Salgado) se mantêm ativos no lançamento de bolas esmagadoras sobre o Zé (Povinho). Mas há ainda “As palavras sagradas de Jesus”, “Os cruzeiros europeus da Chanceler”, “Os terríveis figurinos do Zé”, “As Figuras da Aldeia” com António Costa, José Seguro, Passos Coelho, Paulo Portas e muitos outros e no “Tuga Circus” é possível ver o Zé Povinho a ser disparado de um canhão…
Carros alegóricos criativos na sua forma e carregados de ironia no seu conteúdo, à boa maneira torriense.

A tarde quer-se de participação e de espontaneidade, com os cabeçudos, grupos organizados de mascarados, Zés-Pereiras… todos a marcar a sua presença neste corso no qual todos são atores.

Para todos aqueles que não têm a oportunidade de assistir in loco ao Carnaval de Torres, a SIC fará transmissão do programa Portugal em Festa, em direto, a partir das 14h00.
A partir das 22h30, os Djs voltam a animar a Praça Machado Santos e os Jardins de Santiago.

Segunda-feira, 8 de fevereiro, vai mostrar que o Carnaval se faz também para ser vivido por grandes figuras seniores, com a realização do Baile de Máscaras Tradição, a partir das 14h30, na Expotorres. São cerca de 1500 seniores que se juntam para conviver e para um “pé de dança”.Corso

A espontaneidade volta a tomar conta das ruas do centro da cidade, a partir das 21h00, com a realização do Corso Trapalhão. Segunda-feira é de arromba. Tem trapinhos antigos lá por casa? Óculos, penas, chapéus? Traga o que quiser, mas traga e junte-se aos milhares que fazem deste corso uma verdadeira trapalhada e aproveitam intensamente a última noite- forte do Carnaval de Torres. Mas para os homens há dress-code: matrafona! para participar no concurso que se realizará a partir das 23h00 na Av. 5 de Outubro. A animação continuará noite dentro com djs a passar música nos palcos de animação.

No dia 9 de fevereiro, terça-feira, as cores alegres voltam a invadir o perímetro de corso, ao ritmo “bombástico” dos Zés-Pereira. A partir das 14h30 realiza-se o corso diurno da terça-feira de Entrudo. No Carnaval de Torres todos fazemos boa figura e ninguém consegue deixar de se divertir.

Na quarta-feira, 10 fevereiro, despedimo-nos do Carnaval de Torres 2016 com o enterro do Entrudo, bem carpido e com fogo-de-artifício, a acontecer a partir das 21h00, com ponto de encontro na Praça da República e término junto ao Tribunal.

Que venham todos ao Carnaval mais português de Portugal porque a vida são dois dias… e o Carnaval de Torres são 6! De 5 a 10 de fevereiro venha fazer um “Figurão” no Carnaval de Torres. Toda a informação em: www.carnavaldetorres.com

 

 

EMPRESAS

Tecnologia