Existem várias situações que podem motivar o desconforto ou a dor em animais de estimação.
Algumas doenças veterinárias, incluindo o cancro; um eventual atropelamento; crises de ansiedade ou até mesmo o avançar da idade do seu companheiro de quatro patas podem fazer com que note que este está a perder seu ánimo ou que está queixoso.
Nada custa mais do que assistir ao declínio de um companheiro de vida e nada poder fazer para aliviar as suas dores.
Ainda assim, a verdade é que, hoje em dia, existem alguns produtos e terapias no mercado que podem ajudar a que tenhamos um papel ativo no alívio das dores dos nossos animais de estimação.
Venha conhecer 5 formas de aliviar as dores do seu companheiro de quatro patas.
1. Suplementos com cânhamo
Os produtos CBD para animais de estimação podem ser úteis em determinadas circunstâncias, incluindo se o seu companheiro de quatro patas sofrer de convulsões, dores, náuseas, ansiedade ou se tiver uma doença cancerígena.
Este tipo de produto, na concentração correta, pode trazer grandes benefícios para a saúde do seu animal de estimação e, por isso, é importante falar com um veterinário e iniciar a toma por dosagens mais baixas.
2. Termoterapia
A termoterapia divide-se em duas formas terapêuticas: a crioterapia, onde se recorre ao frio, e a termoterapia de calor superficial ou profunda.
Este tipo de terapia é feita por aplicação local e trata-se de uma ação segura, que pode ser realizada em sua casa, para melhorar as dores do seu companheiro.
3. Acupuntura
Tal como acontece com as pessoas, a acupuntura também pode ser usada em animais de estimação com a intenção de promover o alívio das suas dores.
Esta é uma das formas alternativas para aliviar, por exemplo, as dores de animais com cancro, mediante a aplicação de agulhas em locais específicos do seu corpo, ajudando na sua regulação energética e minorando a sensação de dor.
Este tipo de terapia deve sempre ser feito por um profissional especializado.
4. Aromaterapia
A inalação de vapores de determinadas plantas pode ser extremamente útil para ajudar o seu companheiro de quatro patas a aliviar as suas dores.
Informe-se junto do veterinário quais as plantas e respectivos óleos essenciais que podem ajudar neste processo, de uma forma segura para o animal de estimação.
5. Massagens
Em algumas circunstâncias a aplicação de massagens pode também ser muito útil para que o seu animal de estimação se sinta menos tenso e com menos dores.
Este processo, também conhecido como massoterapia, pode ter um efeito eficaz na redução das dores do animal, promovendo o seu bem-estar. Este deve ser realizado por um profissional especializado em massagens e com conhecimentos de veterinária.
Usualmente, quando feito em animais de estimação, a massagem dispensa o uso de produtos e de cremes.